O Google Stadia foi lançado nos EUA e em alguns países da Europa no segundo semestre do ano passado, mas ele tinha muitas limitações. Para jogar no celular, você precisava ter não apenas um telefone Pixel, mas também controle Stadia para conectar via USB. No entanto, graças a uma atualização nesta semana, acessar a plataforma ficou muito mais fácil.

A primeira grande mudança é que, depois de adicionar suporte nativo a alguns outros Android (incluindo o Samsung Galaxy S20 e o Asus ROG Phone 2) após o lançamento, esta semana o Google está adicionando suporte oficial a praticamente todos os telefones OnePlus desde o OnePlus 5.

Mas, mais importante, celulares Android (nada de iPhone ainda) que não estão na lista de telefones oficialmente suportados agora podem jogar, desde que estejam liberados para instalar o aplicativo na Google Play Store.

Depois disso, você precisa simplesmente navegar até a guia Experiências e selecionar a configuração que diz Jogar neste dispositivo. Também dá para pressionar o botão no menu pop-up exibido quando você tenta rodar um jogo sem ter o controle conectado.

Embora a execução do Stadia em telefones “não suportados” ainda seja considerada um teste, quando fiz isso no meu Galaxy Z Flip (que não é oficialmente suportado), não encontrei nenhum problema ou travamento. Talvez isso não seja igual em outros aparelhos, mas é bom ver mais smartphones com acesso ao streaming de jogos. À medida que os usuários fornecem feedback de mais aparelhos, o Google diz que continuará adicionando mais celulares à lista de suporte oficial.

Foto: Sam Rutherford/Gizmodo

Enquanto isso, outro recurso importante que deve ajudar a simplificar o processo são os controles na tela. Antes, para jogar no celular, você precisava conectar um controle Stadia via USB ou usar um entre uma seleção limitada de terceiros com suporte. Mas, graças ao novo suporte para controles de toque móveis, você pode deixar o joystick em casa, o que é bom para quem não quer sair carregando muita coisa por aí.

Geralmente eu detesto esses controles na tela e prefiro um joystick físico sempre que tenho essa opção. Mas esses controles não são ruins. Depois de testar os controles de toque da Stadia no Panzer Dragoon e Superhot, fiz a comparação com jogos com controles de toque embutidos, como Fortnite ou Call of Duty Mobile, e descobri que os controles de toque da Stadia são muito bons.

O Stadia usa um layout relativamente padrão, com analógicos virtuais em ambos os lados, um direcional, quatro botões e dois L/R em ambos os lados. Tocar na tela faz com que o contorno deles apareça, mas se você estiver assistindo a uma cena e não quiser se distrair, esse contorno some após alguns segundos. Há também uma linha de configurações e botões de menu na parte superior.

Foto: Sam Rutherford/Gizmodo

Como em outros aplicativos com controles por toque, se você estiver jogando algo que exige grande precisão, provavelmente vai preferir um controle real. Mas para RPGs ou jogos de ritmo mais lento, eu realmente curti os controles de toque do Stadia, pois eles permitem entrar em ação com muita rapidez. E para a geração de crianças que cresceram com os controles por toque, suspeito que serão capazes de usá-los sem precisar de muitos ajustes.

Além disso, para oferecer aos usuários do Stadia um pouco mais de controle sobre seus gráficos, o Google está dando às pessoas a capacidade de ajustar a resolução do jogo em vários dispositivos, incluindo Chromecast Ultras, laptops (no Chrome) e telefones. A única ressalva é que você precisará reiniciar o aplicativo para que quaisquer alterações na resolução entrem em vigor.

Finalmente, para os assinantes atuais do Stadia, o Google também está dando a todos um desconto de US$ 10 na compra de jogos e também adicionou Superhot, Get Packed, Little Nightmares, Power Rangers: Battle for the Gird e Panzer Dragoon: Remake à biblioteca do Stadia Pro.

Embora essas novas alterações possam não ser uma grande ajuda para pessoas com conexões mais lentas à Internet, a capacidade de usar uma variedade maior de dispositivos e deixar o controle em casa é bem-vinda. Parece que o Stadia deu outro passo importante para se tornar a plataforma de videogame que o Google prometeu em 2019.