Como você pode ver nas imagens, esse taco pega a idéia de um taco com laser (que já foi feito antes), e combina isso com não só um, mas DOIS feixes de laser adicionais. Dois dos feixes flanqueiam a bola na direção, e o feixe superior fica sobre a bola para não ser bloqueado como acontece com os tacos laser mais fracos e menos Predadores.

O blog Hooked on Golf explica porque, exatamente, isso é uma coisa boa:

1.    Como eu disse, a configuração de três feixes de laser dá muito mais informação para o jogador. Ver a amplitude da linha usando os dois feixes laser inferiores enquanto a bola está posicionada em frente ao taco é muito legal.
2.    Os feixes laser no Argon são muito brilhantes e bem mais fáceis de ver do que os de outros tacos laser. Isso se deve ao fato de que eles são alimentados por uma bateria de 9 volts em vez de uma minúscula bateria de relógio. Ter uma bateria de 9 volts também é melhor porque elas são facilmente encontradas em qualquer lugar quando a bateria acaba. Ter que remover e instalar uma bateria pequena de relógio é quase tão inconveniente como tentar encontrar uma loja que as vende.
3.    O cabo do taco Argon tem os botões para ligar o laser. Você pode ligá-lo por quanto tempo você quiser. Os lasers de outros sistemas são acionados batendo de leve o taco no chão e o laser só fica ativo por um período fixo de tempo.

 

Nota: O Taco Argon Laser não funciona também como um canhão portátil. [Hooked on GolfValeu, Tony!]