A Black Friday 2021 está às portas e os smartphones são um dos produtos mais procurados pelos consumidores. Enquanto alguns priorizam memória e performance, outros estão em busca das câmeras — seja para aquela selfie bonita ou registrar cenários e eventos.

O Gizmodo Brasil selecionou as melhores opções de celulares com uma boa câmera e com variedade de preços. A lista inclui desde aqueles modelos mais baratos até opções para quem está disposto a gastar um pouco mais para ter uma boa foto.

Como escolher um celular com câmera boa?

Antes da compra, é importante entender o que faz um celular ter uma boa câmera:

  • Megapixels: quanto mais megapixels, maior é a resolução, tamanho e peso do arquivo uma fotografia — o que pode melhorar sua qualidade. Para vídeo, a resolução pode ser HD (1280×720 pixels), Full HD (1920×1080) ou Ultra HD/4K (3840×2160 pixels).
  • Abertura: Ela indica a quantidade de luz que entra no sensor, o que influencia o desempenho e qualidade da imagem. Ele é representado pela letra “f”: quanto menor o valor de f, maior é a abertura da câmera — e vice-versa.
  • Função HDR: High Dynamic Range ou Alto Alcance Dinâmico, em português. O recurso deixa a imagem em alta qualidade e com melhor brilho e contraste.

Vamos aos modelos

iPhone 12 Pro Max

Um dos modelos premium da Apple, o 12 Pro Max tem 12 Megapixels e um trio de câmeras: uma é ultra-angular (ƒ/2.4 e campo de visão de 120°), outra é grande-angular (abertura ƒ/1.6) e a terceira é uma teleobjetiva (abertura ƒ/2.2). Vem com zoom in óptico de 2,5x, zoom out óptico de 2x; alcance de zoom óptico de 5x e zoom digital até 12x. Permite gravar gravar vídeo HDR com Dolby Vision, HD e qualidade em 4K. É possível encontrar o iPhone 12 Pro Max a partir dos R$ 8 mil.

Galaxy S21 Ultra

Conta com quatro câmeras traseiras potentes: a principal delas 108 MP (f/1.8) com dual-pixel, foco a laser e estabilização óptica. Entre as auxiliares, há uma 12 MP ultra-wide (f/2.2) com super estabilização, outra 10 MP teleobjetiva (f/2.4) com estabilização óptica e zoom de até 3x, e mais uma teleobjetiva (f/4.9), de 10 MP, com estabilização óptica e zoom de até 10x. Já a câmera frontal tem 40 MP (f/2.2) com HDR automático. Grava vídeo em 4k (frontal) e em  8K (traseira) a 24 FPS (frame por segundo). Pode ser comprado a partir de R$ 6 mil.

Motorola Edge 20 Pro

Conta com um trio de câmeras na traseira, –uma principal 108 MP, híbrida com ultra wide, outra macro 16MP e uma teleobjetiva com 8 MP. Sua câmera frontal é de 32 MP.A lente macro é feita para registrar de perto, enquanto a câmera ultra wide captura imagens com angulação maior do que a lente principal. Já a lente teleobjetiva permite maior aproximação por zoom sem perder a qualidade do registro. Vídeos possuem Ultra HD a 30 FPS, tanto na câmera traseira quanto na frontal. Está à venda por valores em torno dos R$ 3,9 mil.

Asus Zenfone 7

Seu destaque vai para o flip (no topo do aparelho) com câmera tripla. A principal tem 64 MP, enquanto as duas auxiliares são teleobjetiva de 8 MP e uma ultra wide de 12 MP, com abertura de ƒ/1.8. Para vídeo, é possível controlar o ISO (a sensibilidade do sensor de imagem) e gravar em resolução 8K. É vendido na faixa dos R$ 5,9 mil.

Xiaomi Mi 11 Lite

Possui um conjunto de câmera tripla, com sensor principal de 64 MP, lente ultra-wide de 8 MP e lente telemacro de 5 MP. Na câmera frontal, são 16 MP. Grava vídeos em 4K e oferece variedade de recursos para as filmagens como os filtros de cinema e time-lapse. Comparado aos outros modelos da lista, o Mi 11 Lite tem um preço “mais em conta” — a partir de R$ 2,4 mil.