Em um post no blog oficial hoje, o Uber mostrou um pouco do carro autônomo que está sendo testado nos arredores da cidade de Pittsburgh, no estado da Pensilvânia, nos EUA. O carro é um Ford Fusion híbrido e está atualmente nos estágios iniciais dos testes de segurança. Este veículo de teste do Uber em particular foi detectado no ano passado pela mídia de Pittsburgh, mas é a primeira vez que o Uber reconhece a existência dos testes.

>>> Google vai concorrer com Uber em 2016 usando carros autônomos, diz Bloomberg
>>> Por que não teremos carros autônomos tão cedo

O Uber e o Google (entre outros) estão em meio a uma corrida para desenvolver os primeiros táxis autônomos há cerca de um ano. O Uber fez uma limpeza em Carnegie Mellon e no National Robotics Engineering Center, ambos nos EUA, para contratar profissionais para o seu Centro de Tecnologia Avançada em Pittsburgh, seu braço de pesquisas responsável pelo desenvolvimento do carro autônomo. Essas contratações devem dar uma turbinada no desenvolvimento do Uber. As universidades são consideradas o berço dos carros autônomos, e pesquisadores de lá testam esses veículos desde antes do Google existir.

Em março, o Uber também entrou em uma coalização, agora em parceria com o Google, para defender a adoção dos carros autônomos.

Por enquanto, o ambicioso esforço do Uber na área fica restrito às ruas de Pittsburgh com um humano auxiliando por trás do volante. Mas com o Google expandindo seus testes para outras áreas dos EUA, parece que a corrida pelos transportes autônomos está muito disputada.

[Uber via The Verge]