Quem dirige para aplicativos precisa de muita internet móvel — afinal de contas, sem conexão não dá para acessar a plataforma e aceitar viagens. A Uber parece ter pensado nisso e criou o Uber Chip. Ele é uma operadora virtual exclusiva para motoristas. Seu plano oferece 9 GB de internet por mês por preços que vão de R$ 20 a R$ 50.

O Uber Chip é uma operadora virtual que usa a estrutura da Surf Telecom. Essa empresa é a mesma por trás de iniciativas como a Correios Celular e a Maga+, do Magazine Luiza, além de várias operadoras virtuais de times de futebol. Ela usa a rede da TIM.

Só há uma opção de plano. O pacote oferece mensalmente 9 GB de internet 4G, 100 SMS, ligações ilimitadas para fixo e celular e franquia ilimitada em WhatsApp, Waze e, óbvio, UberDriver. O pagamento é pré-pago e vale por três meses.

A conexão não é cortada ao gastar toda a franquia de internet, mas a velocidade cai para apenas 32 kbps, o que é bem pouco. Dá para comprar pacotes adicionais de internet de 500 MB (R$ 4), 1 GB (R$ 6) e 2 GB (R$ 10).

Os preços variam de acordo com a categoria do motorista no Uber Pro, programa de classificação de motoristas da plataforma. Para quem não faz parte do programa, o preço é R$ 150 por três meses, que podem ser parcelados em três vezes de R$ 50. Os valores vão caindo de acordo com a categoria:

  • Azul: R$ 105 por três meses (R$ 35 por mês);
  • Ouro: R$ 90 por três meses (R$ 30 por mês);
  • Platina: R$ 75 por três meses (R$ 25 por mês);
  • Diamante: R$ 60 por três meses (R$ 20 por mês).

A Uber não revela em seu site quais são as exigências para fazer parte do Uber Pro — ela diz apenas que variam de acordo com a região. Segundo o Tecnoblog, os critérios para fazer parte do programa são:

  • classificação de no mínimo 4,85 estrelas;
  • taxa de cancelamento de corridas de no máximo 8%;
  • taxa de aceitação de corridas de no mínimo 80%.

A partir daí, cada corrida em qualquer categoria ganha um ponto. A pontuação trimestral define para que categoria o motorista passa e a que vantagens ele tem acesso.

Voltando ao Uber Chip: o chip pode ser comprado pelo app Uber Driver e chega em até 10 dias úteis na casa do motorista, com frete grátis. Na primeira compra, o motorista paga o valor do pacote trimestral. O pagamento pode ser feito por boleto, cartão de crédito, cartão de débito ou cartão pré-pago. A renovação do pacote é automática e o desconto da categoria correspondente é aplicado.

O Uber Chip está disponível primeiro para motoristas da cidade de São Paulo, mas a empresa tem planos de expandi-lo para todo o Brasil ainda em 2021.

[Uber, Tecnoblog]