A Microsoft falou pouco até agora sobre o Windows 10X, uma variação de seu sistema operacional com estreia prevista para o Surface Neo. No entanto, um vazamento parece nos dar uma visão mais detalhada de como a empresa planeja personalizar a experiência do usuário de dispositivos de tela dupla.

Um usuário do Twitter conhecido por vazamentos anteriores da Microsoft, o WalkingCat, viu o que parece ser algum tipo de documento interno que, de alguma forma, acidentalmente foi ao ar na sexta-feira com detalhes sobre o Windows 10X. Ele foi retirado antes que pudéssemos dar uma olhada nele, mas outros veículos foram rápidos e revelaram algumas das novidades.

Anteriormente, a Microsoft tinha sugerido que sua barra de tarefas estaria recebendo uma reforma para uma interface de tela dupla. Segundo o Verge, isso aparentemente incluirá “uma série de ‘alavancas'” para personalizar seu modelo base para que ela se adapte “tanto em aparelhos que fecham para dentro quanto em dobráveis”. Isso significa que o Windows 10X provavelmente também estará disponível para laptops mais tradicionais. A central de notificações também apresentará opções adicionais de configuração.

Dado que a Microsoft tem planos de comercializar em 2020 seu Surface Neo e o menorzinho Surface Duo, que será como amálgama de laptop, telefone e tablet, essas opções provavelmente permitirão que os usuários usem interfaces mais tradicionais para esses dispositivos. A expectativa é que seja possível escolher seus elementos favoritos e misturá-los em algo novo.

A Microsoft também sugeriu que o menu Iniciar receberá com ajustes semelhantes e, supostamente, será renomeado como Launcher. “A busca é perfeitamente integrada aos resultados da Web, aplicativos disponíveis e arquivos específicos no seu dispositivo. O conteúdo recomendado é atualizado dinamicamente com base nos aplicativos, arquivos e sites mais frequentes ​​e usados ​​recentemente ”, explica o documento visto pelo Verge.

Desbloquear o dispositivo também deve ser um pouco mais fácil. De acordo com uma matéria do Engadget, a Microsoft está eliminando a “cortina” de bloqueio deste sistema operacional. No lugar dela, o software de reconhecimento facial Windows Hello é acionado instantaneamente quando você ativa o aparelho.

O Explorador de Arquivos também deve ganhar uma versão Universal Windows App com interface mais amigável a telas sensíveis ao toque e acesso rápido a recursos como Office365, OneDrive e outros serviços de armazenamento na nuvem.

A Microsoft ainda não comentou publicamente esses vazamentos. Portanto, tecnicamente ainda são especulações. A empresa não respondeu ao pedido de comentário do Gizmodo.