Na madrugada de domingo para segunda-feira será possível ver o eclipse lunar total, conhecido também como Lua de Sangue por deixar a Lua com uma cor avermelhada.

A cor vermelha é resultado de uma distorção óptica chamada “dispersão de Rayleigh”, que é basicamente um conceito para explicar como a luz solar se dispersa por partículas menores da nossa atmosfera. Esse conceito ajuda a explicar o motivo de enxergarmos um céu azul durante o dia. De acordo com o conceito, as luzes se propagam em ondas, e cada cor de luz possui características físicas distintas.

Luzes azuis têm ondas eletromagnéticas de curto comprimento, o que torna sua dispersão pela atmosfera da terra muito mais fácil que a da luz vermelha, que tem um comprimento de ondas bem maior.

Durante o eclipse, parte da luz do Sol chegará à Lua, mas antes passará através da atmosfera terrestre, o que fará com que a luz a luz refletida pelo satélite natural e que retorna novamente à atmosfera seja interpretada pelo cérebro humano como um tom avermelhado.

Com certeza muitas pessoas vão ignorar o fato de que o dia seguinte é segunda-feira, para observar o evento raro ou aproveitar para tirar boas fotos para registrar este eclipse.

Astrofotografia

A astrofotografia é a ramificação da fotografia que busca registrar belas imagens do nosso universo, normalmente praticada pelos amantes da astronomia. Ela se divide basicamente em duas áreas, a fotografia de espaço profundo, que consiste na fotografia de elementos como planetas, nebulosas e constelações, e grande campo, normalmente paisagens sob um belo céu estrelado. O segundo método é mais acessível e uma boa forma de iniciar na astrofotografia, já que não necessita de equipamentos tão caros ou tão específicos, como telescópios, por exemplo.

Muitos dos estudos astronômicos são baseados em imagens, e um belo exemplo disso são os telescópios Hubble e James Webb da NASA que capturam imagens do espaço, que são processadas por supercomputadores e estudadas pelos cientistas da agência espacial americana.

Como posso fotografar o espaço?

Por melhor que seja a câmera do seu smartphone, é praticamente impossível reproduzir o mesmo efeito de câmeras fotográficas de ponta. Não é preciso ter um James Webb para capturar boas imagens, mas o equipamento faz muita diferença no resultado final das fotos. Caso não tenha uma câmera ainda é possível se habituar com recursos que também estão presentes em câmeras de celulares.

Para registrar boas fotos do céu noturno é necessário ter um conhecimento básico de fotografia, ou pelo menos entender os pilares fundamentais presentes em qualquer equipamento que seja capaz de fazer fotos: abertura do diafragma, ISO e velocidade do obturador.

Para entender os conceitos básicos de fotografia e iniciar na astrofotografia você pode fazer o curso “Introdução à astrofotografia”, do fotógrafo Jheison Huerta, na plataforma Doméstika.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER NO CURSO!

Para tirar fotos do céu noturno, muitos fotógrafos profissionais utilizam o auxílio de telescópios, mas é possível fazer excelentes fotos com apenas uma câmera. Confira a seguir algumas das melhores câmeras fotográficas para astrofotografia disponíveis no site da Amazon.

Fujifilm X-T4

A câmera sem espelho é mais leve e fácil de trasnportar que câmeras DSLR. A Fujifilm X-T4 é o modelo mais poderoso da série “X” da marca, e combina recursos avançados de fotos e vídeo com fluxo de trabalho melhorado para melhorar a vida dos fotógrafos. A câmera tem bateria NP-W235 que garante ao usuário aproximadamente 500 fotos por recarga, além de ser um modelo versátil que funciona bem para vários tipos de fotografia.

Fujifilm X-T4
Câmera Fujifilm X-T4 Corpo
R$ 12.899

Canon EOS 6D Mark II

O dispositivo é vendido juntamente com uma lente lente USM EF 24-105mm e tela sensível ao toque, que permite ao usuário ver com perfeição a imagem que será capturada mesmo se a câmera estiver apontada para as estrelas. A câmera é capaz de fazer fotos em altíssima qualidade e gravar vídeos e time lapses em 4K,

Canon EOS 6D Mark II
Câmera DSLR Canon EOS 6D Mark II kit EF 24-105mm f / 4L IS II USM
R$ 20.718

Nikon D850 DSLR

É capaz de produzir imagens de alta qualidade, gravar vídeos em 4K tem tela sensível ao toque com sistema intuitivo e fácil de manusear. A câmera ainda tem botões retroiluminados, o que facilita sua utilização mesmo durante a noite. Uma ótima câmera para astrofotografia e também muito versátil, o que facilita seu uso também em outros tipos de fotografia

Nikon D850
Câmera Nikon D850 DSLR Corpo
R$ 20.699

O Gizmodo Brasil pode ganhar comissão sobre as vendas. Os preços são obtidos automaticamente por meio de uma API e podem estar defasados em relação à Amazon.