Um ano após seu lançamento, o Apple Watch tem sérios problemas de desempenho e usabilidade. A Apple quer resolver isso com o novo watchOS 3: o hardware do relógio continua o mesmo, mas o software ganhou algumas novidades bastante necessárias.

>>> Apple Watch tem redução de preço e agora custa a partir de R$ 2.599

O executivo Kevin Lynch disse durante a keynote da WWDC que o foco principal do watchOS 3 está no desempenho. O botão inferior, que antes exibia seus contatos favoritos, agora abre o Dock – um conjunto de apps que estão sempre guardados na memória.

Ou seja, os apps do Dock sempre estão atualizados com as informações mais recentes; e graças ao novo recurso Instant Launch, eles abrem até “sete vezes mais rápido”. Você pode fixar apps da Apple ou de terceiros no Dock.

Há outras mudanças na interface. Ao deslizar de baixo para cima, você acessa o Centro de Controle – assim como no iPhone e iPad – com configurações rápidas de rede, modo avião, porcentagem de bateria e mais.

gxowwru2x8izbmvkshhl

Há um teclado Scribble que permite desenhar letras na tela para digitar. Trocar entre faces de relógio agora requer apenas que você deslize para os lados. E se você segurar o botão lateral, isso ativa o modo SOS: o iPhone liga para o número de emergência.

O watchOS 3 estará disponível a partir de hoje para desenvolvedores, e será lançado para todos os usuários no quarto trimestre.

Apple TV

A Apple TV de quarta geração também ganhará novidades. Você poderá fazer login com as credenciais da TV a cabo e todos os apps associados aos canais que você assina – Fox, ESPN, HBO etc. – farão login automaticamente. E se você instalar um app de streaming no iPhone, como o HBO Go, ele vai aparecer sozinho na Apple TV.

A Siri agora pode procurar por categorias de filmes – como “encontre comédias sobre colegial dos anos 80” – e também pesquisar por vídeos do YouTube. E se você disser o nome de um canal de TV – “assistir ESPN” – ela responde de acordo.

Há um novo app de controle remoto para a Apple TV: você pode usar o teclado do iPhone para inserir texto, usar voz com a Siri, e controlar jogos através de movimentos.

A interface vai receber um modo escuro, o que é ótimo – o tvOS abusa da cor branca, o que pode ser um problema à noite ou em ambientes escuros. E a Apple TV agora tem suporte a HomeKit, podendo se tornar uma central para a casa inteligente e a internet das coisas.

A atualização virá a todos no quarto trimestre.

Atualizado às 14h46