Preciso admitir que acho os easter eggs – aqueles segredos bem escondidos dentro de jogos, apps e outros serviços – muito divertidos. E talvez seja a nostalgia falando (ou seu aniversário de 25 anos), mas o Windows 95 ainda reina supremo em minha memória como o melhor sistema operacional de todos os tempos. É por isso que a lembrança de um easter egg na plataforma da Microsoft curou temporariamente minha tristeza neste ano de 2020.

A “novidade” não é tão novidade assim, mas ainda mexe com as minhas emoções. O easter egg foi revisitado em março deste ano no canal do YouTube da Living Computers: Museum + Labs (via BoingBoing) para comemorar o 45º aniversário da Microsoft. No vídeo, o desenvolvedor do Windows 95, Jeff Parsons, revela como encontrar uma sequência de créditos secreta no software.

“O Windows 95 foi lançado com novos recursos graças a mais de três anos de trabalho, envolvendo centenas de pessoas. Mas quem eram todas essas pessoas?”, diz Parsons no vídeo. Acontece que, para acessar os créditos ocultos, você teria que fazer uso de um dos novos recursos introduzidos com o Windows 95: nomes mais longos nos arquivos.

Para acionar o easter egg, você deve criar uma nova pasta e nomeá-la com a frase and now, the moment you’ve all been waiting for (“e agora, o momento pelo qual todos estavam esperando”, na tradução livre). Feito isso, renomeie a pasta com we proudly present for your viewing pleasure (“temos o orgulho de apresentar”). Renomeie a pasta por uma última vez para The Microsoft Windows 95 Product Team! (“O Time de Produto do Microsoft Windows 95!”), e clique em cima da pasta para visualizar os créditos secretos.

Obviamente, você precisa fazer todo esse processo em um computador com Windows 95, o que, dadas as circunstâncias, é algo um tanto difícil de conseguir nos dias atuais. Se você tiver uma máquina nessas condições e ainda não conhecida o easter egg, vale a pena fazer o teste.

A sequência em si não é como as que você vê no final de um filme, em que os nomes dos envolvidos simplesmente rolam de baixo para cima. Ao contrário: mostra o Windows 95 em toda a sua glória. Juntos de uma excelente trilha sonora no padrão MIDI (CLOUDS.MID, de Brian Orr), os nomes voam em uma animação horizontal, com um fundo no melhor estilo WordArt. Alguns nomes são impossíveis de não reconhecer, entre eles Bill Gates, Brad Silverberg e o próprio Jeff Parsons. Embora simples, a sequência é bastante longa, com cerca de 12 minutos, mas assistir tudo isso é como entrar em um túnel do tempo e ir direto para os anos 1990, quando a tecnologia ainda não consumia o mundo todo à nossa volta.

Por conta das três “senhas” bastante longas e específicas que você tem que inserir ao renomear a pasta, é improvável que pessoas de fora da equipe de produto soubesse da existência desse easter egg.

Também não é o único segredo “retrô” do sistema da Microsoft. A equipe de desenvolvimento do Windows 3.1 também escondeu créditos secretos que podem ser acessados pressionando Ctrl + Alt + Shift na seção “Sobre” do Gerenciador de Programas. No entanto, um mistério mais conveniente para 2020 é o que está escondido na versão do Excel do Microsoft Office 95. Chamada Hall of Tortured Souls (“Salão das Almas Torturadas”), trata-se de uma sequência de créditos que não tem esse nome à toa, sendo exatamente o que parece.