Atualizado às 13h08 com a oficialização do valor de mercado de US$ 1 trilhão e alteração de título

Atualizado às 12h05 para falar da imprecisão dos dados do Yahoo Finance

A divulgação recente dos resultados financeiros fizeram a Apple chegar muito perto do valor de mercado de US$ 1 trilhão nesta quinta-feira (2). Pelo menos foi o que indicou o Yahoo Finance por volta das 11h40, que exibia dados imprecisos de número de ações.

No início da tarde desta quinta, o resultado foi oficializado: a Apple se tornou a primeira empresa do mundo a atingir US$ 1 trilhão com um valor de ação de US$ 207,05. Para se ter uma ideia, é quase o PIB do México – a 15ª maior economia do mundo, segundo as Nações Unidas.

Captura de tela do Yahoo Finance que mostra a valoração de US$ 1 trilhão. Falta ainda a atualização do número de ações

Na prática, a valoração de US$ 1 trilhão mostra o quanto os investidores acreditam na empresa e na capacidade da companhia de ditar tendências de mercado. Algumas, inclusive, que podem soar esquisitas para o usuário comum.

• Apple apresenta bons resultados puxada por iPhone X

Talvez, um dos exemplos disso seja o caríssimo iPhone X. A companhia, pela primeira vez, atingiu a barreira de US$ 999 em um iPhone, e, mesmo assim, segundo a Apple, o dispositivo foi um dos mais vendidos no último trimestre.

Além de ter aumentado o tíquete da sua linha de smartphone, a companhia tem crescido em áreas estratégicas, como a de vestíveis (com o Apple Watch e os AirPods) e a de serviços, com o Apple Music, a App Store e armazenamento do iCloud.

O recorde no mercado vem 21 anos depois que a Apple quase faliu. Em 1997, a Apple começou a ensaiar o sua guinada após a Microsoft fazer um investimento de US$ 150 milhões, que basicamente salvou o negócio.

Steve Jobs retomou seu posto como CEO e pediu para que seus engenheiros e o jovem designer chamado Jone Ive criassem um tocador de músicas. Alguns anos depois, nasceu o iPod e o começo de uma nova era para a empresa.

Quando o aparelhinho foi lançado em outubro de 2001, o preço das ações da Apple estava em torno de US$ 1,25 por ação. Agora, as ações valem 166 vezes mais e a companhia tem US$ 243,7 bilhões em mãos. Qual será o próximo passo?

Imagem do topo: AP Photo/Mark Schiefelbein