A Apple manja do ramo de áudio e parece que a empresa agora está se preparando para competir com companhias como Bose e Sony, e não estamos falando necessariamente de produtos Beats. Os próximos fones de ouvido da empresa da maçã, segundo reportagem da Bloomberg, devem ser no formato concha com peças que podem ser trocadas.

Citando fontes que não podiam se identificar, a reportagem da Bloomberg observa que os fones de ouvido modulares estão em desenvolvimento desde pelo menos 2018, mas enfrentaram vários atrasos.

Os protótipos supostamente ostentam um visual retrô com “fones de ouvido ovais” giratórios com um arco fino de metal. Como seria de esperar, esses fones de ouvido em termos de tecnologia terão recursos semelhantes aos dos AirPods Pro, incluindo emparelhamento sem fio e cancelamento de ruído. Também estão incluídas a compatibilidade com a Siri e algum tipo de controle por toque.

O mais intrigante é que os protótipos supostamente têm estofamento magnético destacável para a orelha e a cabeça. Supostamente, a abordagem modular visa imitar a capacidade de personalização e flexibilidade do Apple Watch. Com o relógio, você pode ter uma pulseira de couro para quando quiser parecer um adulto, e uma pulseira de borracha para quando for fazer atividades físicas. Esses novos fones de ouvido também virão em duas versões — uma premium com materiais que lembram couro e outra mais voltada para praticantes de exercício físico, com materiais mais leves e respiráveis que inclui “pequenas perfurações”.

Todo o aspecto modular é intrigante e a Apple pode estar interessada em algo. É claro que a versão para exercício física pode parecer bizarra para muitas pessoas, sobretudo quem curte os fones com fio da empresa. No entanto, fui informada pelos meus colegas de trabalho que, apesar do suor, ter algo com encaixe melhor pode ser mais interesante para pessoas cujos orifícios auriculares não são muito amigáveis.

A modularidade também faz sentido para determinadas situações em que o cancelamento de ruído é importante, como voos longos ou para abafar o barulho do ambiente de trabalho. Mas, na verdade, provavelmente faz mais sentido do ponto de vista comercial, pois os acessórios fazem parte da Apple e, vamos ser honestos: todos ficaremos chocados se essas peças trocáveis forem vendidas por um preço baixo. Além disso, considerando o conjunto de recursos, e o que os fones de ouvido concorrentes similares oferecem, não seria surpreendente se eles tivessem um preço numa faixa entre US$ 300 e US$ 400.

De qualquer forma, esses fones de ouvido parecem se encaixar nas ofertas em expansão no ramo de áudio da Apple. A empresa lançou os AirPods Pro no final do ano passado e os Powerbeats 4 foi lançado há algumas semanas. Há ainda boatos de que a Apple considera fazer um HomePod mais barato e menor ainda neste ano. As fontes da Bloomberg dizem que a Apple também pretende anunciar os fones de ouvido modulares ainda este ano, mas isso pode muito bem recuado devido aos desafios da cadeia de suprimentos e testes introduzidos pela pandemia de COVID-19.