Todos nós sabemos que a Apple vai lançar novos iPhones este ano, e provavelmente um iPad e um Apple Watch também. Mas há rumores de que a empresa apresentará alguns acessórios inesperados, e um deles pode ser o tão sonhado carregador sem fio. De novo.

A Apple não vai fazer um reboot do AirPower, que foi projetado para ser um carregador “multiuso” para o seu iPhone, Apple Watch e AirPods e que foi cancelado após diversos atrasos. Quando o produto foi para o beleléu, a Apple disse que ele não tinha “alcançado os elevados padrões” da companhia. De acordo com o analista Ming-Chi Kuo, a Apple voltou a projetar um “dispositivo de carregamento sem fio menor”, que deverá ser lançado ainda neste ano.

Em nota aos investidores enviada nesta quarta-feira (29), obtida originalmente pelo 9to5Mac, Kuo também previu que a Apple irá lançar fones de ouvido de alta qualidade no estilo headphone, daqueles que ficam sobre as orelhas. Se isso acontecer, o dispositivo pode competir diretamente com a linha Beats da empresa.

Kuo não deu nenhum detalhe sobre o dispositivo de carregamento sem fio ou sobre os fones de ouvido, mas a expectativa é que eles sejam lançados juntos com o quarteto de novos iPhones no terceiro trimestre do ano.

O carregador provavelmente seria uma versão reduzida do AirPower, com a capacidade de carregar apenas um dispositivo. Os problemas de gerenciamento de calor com as bobinas foram os responsáveis pelo cancelamento do AirPower, embora fabricantes de acessórios como a Mophie tenham lançado soluções similares.

Também não está claro o que os fones de ouvido premium da marca teria de especial. O Beats Solo Pro lançado no ano passado já tem uma série de características da Apple, como uma boa qualidade de construção, chip sem fio H1 e o cancelamento de ruído ativo. Seria interessante ver a companhia competindo com a Bose e a Sony com headphones com cancelamento de ruído, por exemplo.

Kuo também prevê que um rastreador Bluetooth da Apple que pode competir com a Tile também pode ser lançado neste ano. Esse dispositivo tem sido cogitado há algum tempo, e a Tile não está feliz com as iniciativas da empresa da maçã. Executivos da startup foram ao Congresso dos EUA para acusar a Apple de práticas anti-competitivas. A expectativa era que esses rastreadores fossem lançados no ano passado, o que não aconteceu.

Um MacBook Pro de 13 polegadas com um novo teclado e um iPhone menor e mais barato também estão sendo cogitados, mas há meses que ouvimos falar sobre esses produtos.