A LG trouxe para o Brasil seu ar-condicionado portátil Dual Inverter Voice LP1419IVSM, que promete instalação fácil e recursos inteligentes, como integração com assistentes de voz. Eu recebi um aparelho desses em casa há algumas semanas e pude ver um pouco como ele funciona.

Essa foi a minha primeira experiência com um ar-condicionado em casa — aqui em São Paulo, o item é bem menos comum do que em outras regiões mais quentes do Brasil, ainda que em época de calor haja um crescimento de procura pelo item.

Se você é como eu e nunca pesquisou muito sobre ar-condicionado, aqui vai uma informação: mesmo os modelos portáteis precisam de um processo de instalação. Não, não é só ligar na tomada — você precisa colocar o tubo extensor na janela.

Felizmente, é um processo fácil e que não deve representar uma complicação para grande parte das pessoas. A própria LG disponibiliza um vídeo explicando como fazer.

Instalando

Não se assuste se as instruções parecerem complexas — são muitos casos possíveis, e o vídeo cobre todos eles, daí dá mesmo essa impressão de que é muita coisa. Mesmo a furadeira não é necessária sempre, só se os furos das placas de plástico não se ajustarem perfeitamente à sua janela.

A parte menos fácil foi encaixar o tubo na placa, pois ela ficava escapando da janela. Como eu moro em casa e o aparelho foi colocado no andar de baixo, isso não foi problema, mas pessoas que moram em apartamentos ou pretendem colocar o ar-condicionado em cômodos de andares mais altos talvez precisem de mais cuidado.

Mesmo assim, é um processo bem simples. Eu mesmo, que não levo muito jeito para montar e desmontar coisas, consegui fazer sozinho. Além disso, dispensa a necessidade de um técnico ou de mexer na estrutura da casa, o que pode ser uma questão para muita gente.

No entanto, dependendo de como for sua casa — uma janela que dê para a rua e não tenha grades, por exemplo –, isso pode comprometer a segurança, já que a janela vai precisar ficar destrancada com a saída do ar encaixada.

A LG manda algumas ferragens para você fixar a janela na abertura desejada, mas, para isso, é preciso furar a janela e colocar parafusos. Aqui, como o aparelho será devolvido, eu não fiz isso.

Além disso, você precisa levar em consideração que precisa ter uma janela mais ou menos livre para poder encaixar o tubo extensor. Se for em um cômodo muito cheio de móveis como é a sala da minha casa, você vai precisar mexer na decoração para acomodar o aparelho, já que ele precisa de uma distância de 50 cm das paredes e de outros objetos. No meu quarto, que é pequeno e fica com uma cama encostada na janela, seria praticamente impossível instalá-lo.

Outro detalhe fica por conta da tomada: ela tem pinos mais grossos que o convencional por causa da energia que o aparelho demanda, e adaptadores não são recomendados. Você vai precisar de um encaixe de 20 A para poder ligar seu ar-condicionado. O modelo que eu recebi aqui em casa é 127V, o que é interessante, dado que boa parte dos aparelhos é 220V.

Usando

O ar-condicionado tem três modos de operação: refrigerar, desumidificar e ventilar.

No primeiro, você define a temperatura e ele se encarrega de deixar o ambiente no frio desejado. No modo de desumidificar, não é possível selecionar a temperatura ou a velocidade do ventilador. No modo de ventilador, ele não usa o compressor, apenas faz o ar circular em uma das três velocidades oferecidas.

Infelizmente, ele não tem opção de aquecimento, o que mostra que ele foi pensado para a temporada de calor, que, como sabemos, deve voltar lá para setembro com a primavera.

O controle pode ser feito por meio do painel do próprio aparelho (que é bem bonito, diga-se) e do controle remoto, que funciona com duas pilhas AAA (inclusas na caixa) e é bem simples e intuitivo.

Conectando com apps e assistentes

Há ainda uma opção mais completa: instalar o aplicativo LG ThinQ, disponível para Android e iOS. Ele serve para diversos aparelhos de smart home da LG, e isso inclui o ar-condicionado. O aparelho fica conectado à rede Wi-Fi da sua casa.

Para usar o app, você precisa fazer um cadastro na LG, mas dá para usar credenciais do Google ou do Facebook para adiantar o processo. A configuração do ar-condicionado foi bem simples:

  1. Escolha a opção ar-condicionado portável no app. (Sim, está escrito “portável” mesmo.)
  2. Aperte e segure o botão “Velocidade do Ar” no aparelho por 3 segundos. O app não traduziu esta parte, então ele manda apertar o botão “Fan”. O LED do Wi-Fi do ar-condicionado deve começar a piscar.
  3. Escolha a rede da sua casa e coloque a senha.

Em questão de segundos, o aparelho aparece no app da LG. Lá, você tem o básico do controle remoto e algumas opções mais avançadas, como programação e agendamento, um contador de horas de filtro de ar para saber se está no momento de trocar e um mostrador do consumo de energia elétrica, que pode ser útil para não ter surpresas na hora de pagar a conta de luz.

Outra questão de manutenção, no entanto, não aparece: a hora de esvaziar o reservatório de água do aparelho, que tem capacidade para 2 litros. Segundo o manual, o visor no painel mostra “FL” quando ele está cheio.

A conexão com o Wi-Fi também permite integração com os assistentes de voz Google Assistente e Amazon Alexa. Com o Google Assistente, o processo foi bem fácil seguindo o guia que a LG disponibiliza em seu site, e em questão de minutos eu conseguia dar comandos de voz para definir a temperatura pelo celular.

Com a Alexa, da Amazon, o processo foi mais difícil. A LG também oferece um guia de integração em seu site. Mesmo instalando a Skill da LG e conectando a conta, o app demorou para encontrar o ar-condicionado, e foi preciso desconectá-lo do Google Assistente e reiniciar o app da Alexa até ele aparecer no app. A Skill tem avaliação baixa, 1,5 estrela, o que leva a crer que o problema não foi só comigo.

E esfria bem? Eu achei que sim. As condições em que eu testei não eram as ideias. Minha sala é um dos cômodos onde menos bate sol na casa e, por isso, ela esquenta bem menos que o resto. Ela não tem porta para o corredor nem para a escada, fazendo com que o ambiente não fique isolado. O aparelho também chegou no começo do outono, quando não estava mais fazendo tanto calor em São Paulo.

Mesmo assim, em cerca de meia hora de um dia de pouco calor (24°C) com o aparelho ligado a 18°C, ele deixou a sala bem mais fria que os outros cômodos — bastava andar até a cozinha, um dos quartos ou o quintal para sentir a diferença de temperatura. Mesmo assim, o termômetro interno do ar-condicionado, que aparece no app da LG, não chegou a marcar os 18°C e ficou nos 19,5°C.

O aparelho também tem um nível bastante aceitável de ruído. Com a minha TV ligada no volume 25, não senti necessidade de aumentar o volume com o ventilador do ar-condicionado nos níveis baixo e médio. No nível, alto, porém, o ruído começa a incomodar e fica mais difícil entender o que está sendo dito neste volume.

O LG Dual Inverter Voice portátil tem preço sugerido de R$ 4.599, mas já pode ser encontrado em algumas lojas online com preço entre R$ 4 mil e R$ 4,5 mil. É bem mais caro que outros aparelhos do tipo, mas oferece habilidades inteligentes e uma maior capacidade de refrigeração (14.000 BTU). Aliás, quanto a isso, importante ressaltar que a projeção do ar neste caso ocorre de baixo para cima, e não de cima para baixo em modelos splitter (aquele modelo que fica na parede). Então, esta potência grande, de alguma forma, serve para que ele espalhe o frio melhor pelo ambiente, enquanto um splitter faria o mesmo serviço, desde que bem localizado em um cômodo, com menos BTUs.

Tem ainda a questão da portabilidade, que talvez seja a principal no caso do ar-condicionado Dual Inverter Voice LP1419IVSM. Ele tem 493 mm x 773 mm x 460 mm, pesa cerca de 35 kg e conta com rodinhas. Então, você, por exemplo, colocá-lo no carro e levá-lo para uma casa de veraneio, sem precisar destruir nenhuma parede.

Se você não suporta o calor, sua casa oferece espaço e uma janela livre, não quer gastar com obra para ter um ar-condicionado de parede (que, por sinal, é mais barato) e você gosta da ideia de controlar a temperatura pela voz, pode ser uma boa opção, ainda que bem cara.