A companhia aérea Azul lançou nesta quinta-feira (17) o novo sistema de internet Wi-Fi a bordo em sua aeronaves. O serviço é totalmente gratuito aos passageiros e já pode ser experimentado em 17 aviões da frota, com previsão de ampliar a disponibilidade para 35 aviões até o final deste ano. A frota da empresa conta hoje com cerca de 140 aeronaves.

De acordo com a Azul, o sinal é distribuído via satélite e pode chegar a 30 Mb/s. O grande diferencial é a gratuidade, sendo que os custos devem ser cobertos com a veiculação de publicidade durante os voos, seja nas revistas, telas na parte de trás das poltronas e acessórios usados na alimentação, como copos e guardanapos — embora, no momento, esteja proibida a distribuição de comida durante os voos devido à pandemia de Covid-19.

Para efeito de comparação, a Gol e a Latam também oferecem internet a bordo de seus aviões. Contudo, o usuário precisa pagar uma taxa que varia com base no que ele for acessar. Neste caso, há pacotes específicos para aplicativos de mensagem (Facebook Messenger, WhatsApp, entre outros) e outros para navegação na internet, seja para conteúdos mais leves ou pesados.

Além disso, todo o processo de instalação do Wi-Fi nas aeronaves da Azul é feito localmente, no centro de manutenção da companhia em Campinas, no interior de São Paulo. Até então, o procedimento acontecia fora do Brasil.

“O nosso Modo Azul pretende deixar a experiência de nossos Clientes a bordo ainda mais completa. Durante anos, as pessoas precisaram se desconectar do mundo enquanto voavam, mas, agora, pra quem é Cliente Azul, o Modo Avião será completamente diferente e revolucionará o jeito de voar, reunindo diversas opções de entretenimento a bordo, inclusive com a nossa consolidada TV ao vivo”, afirma Marco Barbosa, diretor de experiência do cliente da Azul.

Assine a newsletter do Gizmodo

O serviço de TV ao vivo nos aviões da Azul continuará gratuito. A plataforma utiliza a programação da Sky e inclui tanto canais abertos quanto pagos.

[TI Inside, Tecnoblog]