Depois de aparecerem antes da hora graças ao jogador de basquete LeBron James e do rapper Roddy Rich, os fones de ouvido Beats Studio Buds enfim foram oficializados. Eles são a primeira opção sem fio da Beats nesse formato mais compacto, trazem cancelamento ativo de ruído e certificação IPX4 contra respingos de água. No Brasil, o acessório vai custar R$ 1.799.

O Beats Studio Buds não é o primeiro fone totalmente sem fio da marca, mas é o primeiro a adotar esse formato mais compacto, de buds, semelhante a outros concorrentes como o Galaxy Buds e o Pixel Buds. O Powerbeats Pro, por exemplo, também é wireless, mas tem um apoio que fica por de trás da orelha.

Imagem: Beats/Divulgação

No caso do Beats Studio Buds, o design é intra-auricular — ou seja, se prende pela parte interna do ouvido. Ele tem características semelhantes ao AirPods Pro, e isso inclui cancelamento ativo de ruído para bloquear a passagem de barulhos externos, emparelhamento instantâneo com dispositivos da Apple (que é dona da marca Beats) e proteção contra respingos de suor e água. A case tem um tamanho reduzido e uma entrada USB-C para recarga.

“Ao desenvolver um produto pequeno como este fone, até os detalhes mais ínfimos foram considerados, analisados e selecionados para aprimorar a qualidade do som, o conforto e a durabilidade”, conta Oliver Schusser, vice-presidente da Beats e Apple Music, em comunicado de imprensa. “Embora o Studio Buds seja o modelo mais compacto já lançado, ele também oferece esta experiência de som imersivo combinada com o design elegante da Beats”.

Cada fone pesa cerca de cinco gramas e conta com um driver de 8,2 milímetros para equalizar diferentes tipos de frequências e manter o equilíbrio do tipo de som que você estiver ouvindo. O produto não possui o chip H1/W1 dos AirPods mais recentes, o que significa que ele não é compatível com as funções de compartilhamento de áudio e troca automática entre iGadgets. Em contrapartida, vale destacar que os Beats Studio Buds já chegam com suporte às tecnologias de áudio espacial e Dolby Atmos, lançadas recentemente para assinantes do Apple Music.

Imagem: Beats/Divulgação

Já para a bateria, a Beats promete uma autonomia de até oito horas por recarga e mais 24 horas em combinação com o estojo de recarga. Com o cancelamento ativo de ruído ligado, essa duração cai para 5 e 15 horas, respectivamente.

Outras especificações incluem ativação da Siri, Bluetooth Class 1 (para maior alcance e menos interferências), controles capacitivos em cada fone e compatibilidade com smartphones Android rodando a versão 6.0 Marshmallow ou superior. Se o sistema operacional do Google for o mais recente, você ainda pode parear os fones rapidamente, de um jeito parecido ao que acontece nos iPhones, iPads e Macs.

Assine a newsletter do Gizmodo

Preço e disponibilidade

Os Beats Studio Buds já aparecem no site brasileiro da Apple por R$ 1.799, ou R$ 1.619,10 no pagamento à vista. As cores disponíveis são Branco, Preto e Vermelho Beats. A marca diz que o lançamento aqui no Brasil acontecerá nos próximos meses. Nos Estados Unidos, os fones serão enviados a partir do dia 24 de junho por US$ 149,99, o equivalente a R$ 760 na conversão direta.