Você teria medo de andar em um carro que está auto-dirigindo-se-a-si-mesmo, sem um motorista? E se ele tivesse sido programado pelo Google? O pessoal que está participando do TED 2011 está tendo a oportunidade de sentar dentro do carro e ver uma demonstração de como ele funciona. Um deles gravou o vídeo que você vai ver agora.

Danny Sullivan, do site Search Engine Land, de uma volta no carro automático do Google e fez o vídeo acima, além de um post onde fala mais sobre a experiência e o carro. O vídeo é impressionante pela velocidade e agressividade que o carro adquire – eu cliquei em play achando que ele se dirigiria em modo “velhinha”, mas ele vai com tudo. No entanto, Sullivan relata:

O carro está indo tão rápido porque o Google especificamente o programou para fazer isso, neste caso. Normalmente ele não estaria fazendo curvas tão bruscas e arriscadas. Mas como está em uma pista fechada, o Google preferiu demonstrar que, se preciso, ele consegue dirigir agressivamente. Você notará que o operador assume a direção no final do percurso, e isso é porque a rota automatizada termina um pouco antes da área de desembarque.

Então não deixa de ser um pouco trapaça da parte do Google, mas mesmo assim é impressionante. Um carro fazendo esse tipo de loucuras sem estar sendo dirigido por ninguém? Pra mim, é mais impressionante do que se ele voasse. [Search Engine Land]