Em Bonn, na Alemanha, onde a prostituição é permitida por lei, as meretrizes pagam um “imposto de prostituição” em uma espécie de parquímetro, para poder fazer sexo por dinheiro. O imposto é de €6 (R$14) por noite trabalhada, e a máquina solta um recibo para tornar oficial a profissão mais antiga do mundo.

As máquinas foram instaladas recentemente, e são bem semelhantes a máquinas para pagar estacionamento. No primeiro final de semana, foram pagos o equivalente a R$600. Bastante dinheiro, até! De acordo com a nova lei, prostitutas de rua devem pagar o imposto entre 20h15 e 6h da manhã. Se não pagarem uma vez, recebem aviso; se não pagarem de novo, levam multa de R$240.

Olha, da perspectiva do governo, se você permite a prostituição, então cobre bastante imposto em cima. Cada máquina de imposto, feita pela Siemens, custa R$19.000 para ser instalada. Em alguns meses, esse dinheiro volta – as prostitutas não vão a lugar algum, certo? [NY Times]