O Google lançou nesta quinta-feira (18) a primeira versão de desenvolvedor do Android 12. E com ela já podemos ter algumas dicas das principais mudanças que virão assim que a atualização do software for lançada para os usuários no segundo semestre.

Esta versão inicial ainda está longe do modelo final e novos recursos certamente serão adicionados ao longo dos próximos meses. Mesmo assim, a primeira prévia do Android 12 aponta para algumas funções interessantes. Entre elas melhorias na transcodificação de mídia, notificações mais rápidas, teste de aplicativos e uma ênfase geral em segurança e privacidade.

O recurso de transcodificação permite converter vídeos para o formato HEVC com mais facilidade. Para aprimorar a qualidade geral da imagem, o sistema também está recebendo suporte para AV1 Image File Format (AVIF), que oferece melhor qualidade e tamanhos de arquivo menores graças à compactação aprimorada. E para ajudar a tornar o compartilhamento de conteúdo ainda mais fácil, o Google colocou uma nova API que permite que os apps recebam conteúdo diretamente da área de transferência.

Outra novidade em testes é um design reformulado para a central de notificações, que passaria a ser mais funcional. Isso inclui um novo layout para a aba de notificação e animações mais rápidas em toda a central. Além disso, o Google quer tornar a inicialização de apps a partir da tela de notificações ainda mais rápida. No Android 12, isso deve acontecer por meio de animações mais curtas e sem aquele efeito de “trampolim”, que acontece nas versões mais recentes do sistema.

Em termos de compatibilidade e estabilidade de aplicativos, o Google está fornecendo mais ferramentas para ajudar os desenvolvedores a otimizar seus serviços para tablets, aparelhos dobráveis ​​e Android TV. A empresa até disponibilizou um novo menu de configurações alternável para uma série de opções de depuração.

Assine a newsletter do Gizmodo

Por fim, para aumentar recursos de privacidade do usuário, o Google colocou novos controles para identificar possíveis rastreamentos, além de cookies aprimorados no WebView e melhor proteção contra aplicativos que exportam a atividade para plataformas de terceiros.

No momento, a versão de desenvolvedor do Android 12 só pode ser baixada em dispositivos da linha Pixel — mais precisamente dos modelos Pixel 3 ao Pixel 5 –, ou por meio do Android Emulator no Android Studio. Mais informações podem ser acessadas na página oficial do novo sistema.