A Amazon tem se aventurado cada vez mais no ramo de hardware. Depois do Kindle, vários alto-falantes inteligentes e até micro-ondas, a marca norte-americana anunciou nesta quinta-feira (27) a Halo Band, uma pulseira fitness sem tela que promete medir até a porcentagem de gordura do corpo e avaliar o “tom de voz” do usuário.

Não tem tela, mas a Amazon diz que a pulseira tem sensor de temperatura, monitor de batimentos cardíacos, dois microfones, um LED e um botão para ligar ou desligar os microfones. Ao todo, a bateria da Halo Band dura 7 dias e ela é à prova d’água — o usuário pode escolher entre uma pulseira de silicone ou tecido.

Amazon Halo Band

O controle e o acompanhamento do que a pulseira mede é todo feito pelo Amazon Halo, um app disponível para iOS e Android. Aparentemente, a ideia da empresa é tentar facilitar a medição do nível de algumas atividades físicas por meio de um sistema de pontuação.

O nível de Atividade, por exemplo, terá como base 150 pontos semanais (algo parecido com que o app Google Fit faz), e isso será medido pela quantidade de atividade física no período — aí entram intensidade, duração e passos dados.

Já o Sono terá uma base de 100 pontos e será monitorado com o sensor de movimento, análise de temperatura e batimentos cardíacos. No app, a empresa promete exibir um hipnograma, detalhando fases e a qualidade do sono.

Quanto ao Corpo, a empresa fala que sua pulseira consegue informar o IMC (Índice de Massa Corpórea), algo que não é muito comum nesse tipo de produto. A companhia diz que a funcionalidade será disponibilizada apenas para maiores de 18 anos — existe uma preocupação com menores que se sentem pressionados a ter determinada forma física, sem contar que o IMC sozinho não é um bom diagnóstico de saúde. Para isso existem profissionais médicos, né?

Com a funcionalidade opcional Tom, a Amazon promete analisar sua voz para dizer o seu nível de “energia e positividade”. Isso é bem maluco, mas a empresa informa que usa este tipo de tecnologia internamente para avaliar atendimento ao cliente. Pelo que a empresa indica, quem não quiser ser monitorado, pode simplesmente desligar os microfones.

Por fim, tem o que a Amazon chama de Labs. Basicamente, o usuário receberá via app desafios, experimentos e exercícios para descobrir o que “funciona melhor para eles”. Então, eventualmente haverá dicas sobre reduzir a quantidade de cafeína à tarde para tentar melhorar a qualidade do sono ou alguns tipos de exercícios físicos em casa.

Pulseiras Halo Band

O que é curioso é que a empresa também oferece o Halo Membership, um programa de assinatura de US$ 4/mês que dará mais informações e dicas sobre saúde para os usuários. Quem não quiser assinar nada terá acesso a contagem de passos, detalhes de sono e monitoramento de batimentos cardíacos.

Por ora, a Halo Band está disponível só nos Estados Unidos e, por enquanto, apenas para convidados. O preço promocional dela é US$ 65, e o valor normal é US$ 100.