A Android TV foi apresentada ao mundo durante o Google I/O em junho deste ano, mas o primeiro dispositivo a chegar oficialmente ao mercado com a plataforma só foi anunciado há algumas semanas. É o Nexus Player, feito pela ASUS em parceria com o Google. Trata-se de mais um na longa lista de tentativas do Google de conquistar a sala de estar (Google TV, Nexus Q, Chromecast), e parece tão bom quanto qualquer set-top box que encontramos por aí.

O Nexus Player é como um pequeno disco bem fino. Mais ou menos uma Amazon Fire TV arredondada. Ele é despretensioso e compacto, e você não terá muita dificuldade em encontrar um espaço para colocá-lo – mesmo que a área próxima à sua TV seja um pouco cheia. O aparelho recebe o sinal a partir de uma faixa nas suas bordas, então você pode empilhar coisas sobre ele sem medo de prejudicar o funcionamento.

Google Nexus Player

O aparelho não se resume ao disco. Ao gastar US$ 100 nele, você ganha também um pequeno controle remoto com botões pause, play e home, além de um microfone embutido para comandar sua TV com a voz. Os botões são muito bons. Não há nada muito especial no design, mas ele funciona bem.

Google Nexus Player

O que não está incluido no pacote, no entanto, é o Nexus Player Gamepad. Este acessório de US$ 40 é para quem quer usar o pequeno disco para jogos mais pesados na TV – jogos simples como Flappy Bird podem ser jogados mesmo com o controle remoto. Em comparação com controles de consoles, o Gamepad não é grande coisa – os gatilhos são meio moles e o direcional parece bem ruim – mas até que ele é decente perto de outros controles Bluetooth. Deve ser o suficiente para rodar uns jogos antigos de Super Nintendo na TV.

Google Nexus Player

Não tive muito tempo para testar o desempenho do Nexus Player, mas, do que consegui ver, o processador Intel Atom quad-core de 1,8 GHz dá conta do recado e você poderá trocar de apps e jogar games como Badland sem grandes problemas.

Em relação a funcionalidades, bem, é um dispositivo Android TV, e sabemos bastante coisa sobre a plataforma há algum tempo. A tela inicial da Android TV mostra um menu com seus apps locais e uma interface baseada em cards, e o sistema até tenta adivinhar o que você quer assistir em seguida, com base nos serviços que você mais usa.

Se você já tem um Chromecast, talvez não tenha muita coisa que o Nexus Player faça que o convença a mudar para a Android TV. Mas saberemos mais sobre isso quando pudermos passar mais tempo usando a plataforma. O que nos parece bem claro é que definitivamente não estamos diante de um novo Nexus Q.