Aterrorizado pelo time armado com facas afiadas, Taylor de repente “começou a pedir desculpas e disse aos cozinheiros que ele estava apenas brincando, e que ele precisava de dinheiro para seu filho.” Ele conseguiu escapar antes que a polícia chegasse, mas não demorou muito para fosse pego. Interrogado, Taylor revelou que ele não tinha uma arma, e ameaçou todo mundo com um iPhone.

Apesar de os funcionários do restaurantes insistirem em não prestar queixa – por sentirem pena do rapaz – Taylor foi acusado de tentativa de assalto e desacato à autoridade. [MSNBC]