Desde que foi lançado, o Instagram Stories é um dos recursos mais usados da rede social, com mais de 500 milhões de usuários únicos mensais. Até por esta popularidade, parece que agora existe uma nova forma de spam na ferramenta, que tem feito aparecer um monte de perfis russos que você não conhece visualizando seus Stories.

Comecei a notar a visita de perfis russos nos meus Stories no fim de semana e estranhei. Com o tempo, fui pesquisando e reparei que não era exclusividade minha. Uma galera no Twitter estava reclamado tanto em português como em inglês sobre a mesma coisa, além de ter posts no Reddit sobre o assunto.

Pois bem, isso tudo parece ser a mais nova técnica de spam para tentar atrair novos seguidores. Num passado não muito distante, era comum ver perfis esquisitos interagindo (pedindo para seguir ou deixando comentários aleatórios em línguas estranhas). Mesmo no Brasil, era bem comum ver pessoas usando a famigerada hashtag #sdv (segue de volta). Agora, pelo menos, esta abordagem de ver Stories parece não tão chata, apesar de ser invasiva — afinal de contas, quem é essa pessoa vendo o que eu posto?

Essa história de perfis russos vendo Stories aleatórios de “anônimos”, segundo Konstantin Kanin, CEO da DaCompany, uma agência de marketing digital especializada em países falantes de russo, tem se tornado comum entre celebridades e influenciadores do país. Segundo um post escrito por ele, esta é a premissa:

Se você tem uma conta com poucos seguidores e você posta Stories eventualmente, é provável que você saiba exatamente quem olha os conteúdos postados.

Então, você vai checar as estatísticas e percebe um perfil desconhecido lá. Você clica nele para saber quem é ele ou ela.

Se este perfil atrair seu interesse, existe a chance de você segui-lo, curtir alguns posts ou ter algum tipo de envolvimento.

Então, a intenção é atrair a atenção das pessoas e motivar para que elas acessem o perfil. A vantagem, diz Kanin, é que esta é uma forma de chamar a atenção das pessoas sem notificações chatas.

A explicação de Kanin bate com a da Kaspersky, empresa de segurança da informação de origem russa, que analisou este comportamento a pedido do Gizmodo Brasil. “Trata-se aparentemente de pessoas da Rússia entrando em perfis aleatórios — é o típico caso de pessoas que querem seguidores, o que também é comum no Brasil”, disse Thiago Marques, analista da Kaspersky.

Todas essas explicações são comuns ao que aconteceu comigo e outras pessoas. No meu caso, por exemplo, do nada, o perfil de uma cantora russa verificada, identificada como Polyna Music, começou a ver meus Stories. Uma outra suposta influenciadora russa, identificada como shablii, também começou a aparecer nas estatísticas do meu Instagram.

Ferramentas automáticas de visualização de Stories

Kanin argumenta que existem aplicativos e ferramentas web na Rússia que permitem filtrar quais perfis terão seus Stories vistos por “influenciadores e celebridades”. Dá para escolher, por exemplo, por número de seguidores, um número específico de visualizações por dia, se o perfil segue ou não a “celebridade ou influenciador” e se tem foto de perfil.

Aparentemente, este tipo de ferramenta pode dar algum resultado para pequenos comércios e pessoas que não têm muitos seguidores — estou aqui me referindo a um maior número de visitas a esses perfis, que pode ou não aumentar o número de seguidores. No entanto, gente popular no Instagram ou empresas grandes só têm a perder por parecerem invasivos.

Obviamente, são ferramentas não certificadas pelo Instagram. Então, quem for usar tem de revelar login e senha — sabe-se lá o que os administradores dessas plataformas podem fazer com esses dados.

Não quero que russos ou perfis estranhos vejam meus Stories. O que fazer?

Se você tem um perfil aberto, infelizmente não há muito o que fazer, a não ser fechar seu perfil ou limitar a visualização para melhores amigos.

Caso você tenha notado algum tipo de atividade esquisita no seu Instagram, é também recomendado desativar aplicativos que estejam conectados à sua conta. Para isso, acesse o Instagram Web, vá no ícone Configurações e escolha a opção Aplicativos Autorizados — dica: se você usa o Tinder, é muito provável que ele apareça por lá. Se você não usa mais o app, remova imediatamente o acesso.

Tela de apps autorizados no Instagram Web

Também não custa nada alterar a senha para adicionar uma camada extra de segurança ou ativar a verificação em dois fatores.