por Daniel Junqueira

Depois de subir ao palco da Apple durante o lançamento do iPhone 7 para falar do sucesso de Pokémon Go e da versão para Apple Watch, a Niantic anunciou finalmente a data que vai começar a vender a pulseira Pokémon Go Plus: 16 de setembro.

Você vai poder ter um monstro camarada em Pokémon Go
Fenômeno Pokémon Go começa a esfriar, mas ainda está longe do declínio

A empresa disse, em seu site oficial, que o lançamento do gadget a partir do meio do mês vale para o mundo quase inteiro, exceto “partes da América do Sul” que vão receber a pulseira mais tarde. Ainda não sabemos se o Brasil está no primeiro ou segundo grupo.

Nos EUA, a pulseira vai custar US$ 35. Ela é compatível com Android e iOS e conversa com o smartphone via Bluetooth 4.0. Além de ser um pedaço de plástico que vibra quando alguma atividade acontece dentro de Pokémon Go, ela também permite capturar alguns monstros sem precisar tirar o telefone do bolso – mas só espécies que você já capturou antes.

A Niantic também aproveitou o espaço no evento da Apple para dar alguns números bastante impressionantes do jogo: Pokémon Go já foi baixado mais de 500 milhões de vezes no mundo, e seus jogadores já andaram mais de 4,6 bilhões de quilômetros na busca pelos monstros. É verdade que o jogo já não tem mais a força da época do seu lançamento, mas continua sendo gigante – quem sabe a pulseira ajuda a resgatar o interesse de alguns antigos jogadores.

[Niantic]

Foto: Gieson Cacho

O Gizmodo Brasil pode ganhar comissão sobre as vendas. Os preços são obtidos automaticamente por meio de uma API e podem estar defasados em relação à Amazon.