A Qualcomm realizou nesta quarta-feira (19) o evento online 5G Summit, para trazer novidades relacionadas a processadores com suporte às redes móveis de quinta geração. E um deles é o Snapdragon 778G 5G, chipset fabricado no processo de 6 nanômetros e que estará presente em uma ampla gama de aparelhos no segundo semestre de 2021.

Descrito pela fabricante como um chip de “alto nível”, o Snapdragon 778G 5G parece ser uma alternativa entre o Snapdragon 888 e os modelos mais baratos da Qualcomm — como é o caso do Snapdragon 765G, usado em smartphones do Google, Motorola de outras companhias.

O Snapdragon 778G 5G também se posiciona como um processador completo para recursos de multimídia. Ele é equipado com uma CPU Kyro 670, que segundo a Qualcomm tem um desempenho 40% melhor do que chips anteriores, e a GPU Adreno 642L, que por sua vez apresenta renderização gráfica 40% mais rápida em comparação com a geração anterior. O 5G no nome não é à toa, e o chip inclui suporte para frequências sub-6Ghz e ondas milimétricas mmWave.

Quando se trata de jogos, o 778G também oferece suporte ao pacote Snapdragon Elite Gaming. Entre os principais recursos está o Qualcomm Game Quick Touch, que oferece maior capacidade de resposta e suporte adicional para telas com taxas de atualização de até 144 Hz; compatibilidade com o Snapdragon Sound, para transmissão de áudio de alta qualidade em redes sem fio; a sexta geração do AI Engine, para aprendizado de máquina; e suporte nativo para Bluetooth 5.2, Wi-Fi 6 e Wi-Fi 6E.

Para câmeras, o novo processador conta com um IPS Spectra 570L triplos, permitindo que os celulares com esse chip gravem vídeos de até três câmeras diferentes ao mesmo tempo, ou tire até três fotos de 22 MP simultaneamente. E graças ao suporte aprimorado para captura de vídeo HD computacional, as gravações terão níveis maiores de intensidade de cor e detalhamento.

Assine a newsletter do Gizmodo

Minha única preocupação é que a Qualcomm corre o risco de inundar o mercado com vários processadores muito semelhantes, já que o 778G chega menos de dois meses após o anúncio do Snapdragon 780G, outro chip da fabricante e que em muito se parece com o anúncio mais recente.

Em todo o caso, muitas empresas já se comprometeram a utilizar o Snapdragon 778G 5G em seus futuros dispositivos. Isso inclui Motorola, Oppo, Realme, Honor e Xiaomi. Os primeiros lançamentos devem acontecer no segundo semestre deste ano.