Para coincidir com o lançamento do serviço Nintendo Switch Online que incluía um monte de jogos 8-bit clássicos como parte da assinatura, a companhia também lançou Joy-Cons no formato do gamepad do NES para completar a experiência retrô.

E para deixar alguns fãs dos games antigos ainda mais nostálgicos, uma solicitação da Nintendo na FCC (órgão equivalente à Anatel) para um controle sem fio do Super Nintendo sugere que títulos 16-bit devem estar chegando também.

Os fóruns Resetera foram os primeiros a encontrar e compartilhar a solicitação da Nintendo na FCC para o registro de um ID de produto para um novo gamepad sem fio Bluetooth.

Não há muitos detalhes para o “Wireless Game Device HAC042″, mas a empresa incluiu uma ilustração onde a etiqueta da FCC estaria localizada, e embora seja apenas um contorno, é quase impossível confudi-lo com outra coisa que não seja o joystick do SNES.

O NES foi um grande videogame e reacendeu o mercado, mas o Super Nintendo foi um dos maiores sucessos da Nintendo, com mais de mil lançamentos a mais do que o antecessor.

A biblioteca de títulos do NES disponível no Nintendo Switch Online é um dos grandes atrativos, mas a chegada de games memoráveis do SNES como Super Mario World daria um gás interessante no serviço.

Se esses controles chegarem ao mercado, não espere por um precinho camarada. Os Joy-Cons do NES são vendidos por US$ 60 (R$ 240, em conversão direta) o par – bastante caro, mesmo com a possibilidade de ligá-lo ao Switch para recarga.

Pelo menos, haverá alternativas: por US$ 20 (R$ 80) você pode fazer um upgrade de seus controles SNES originais e adicionar conexão Bluetooth. A 8Bitdo ainda oferece gamepads parecidos com o do SNES por US$ 30 R$ 120) e eles vêm com Bluetooth que funciona com dispositivos Android, PCs e Switch.