De acordo com Paul Thurrott, a Microsoft pode não incluir suporte a programas para desktop em tablets com processador ARM. Em vez disso, eles rodariam apenas apps no estilo Metro, como os encontrados no Windows Phone 7.

Bem, se eles querem tornar seus tablets competitivos com o iPad em termos de tamanho, duração de bateria e facilidade de uso, é questionável o suporte a programas pesados como Photoshop ou Office para desktop. As limitações de uso em um ambiente com toque – ícones e células pequenas seriam difíceis demais de se acertar com o dedo – poderiam ser resolvidos com teclado e mouse, mas com processadores ARM, o desempenho e bateria não seriam o bastante. Levar o Metro para laptops e desktops faz sentido; o contrário, nem sempre.

Então eu espero que o rumor seja verdade. Como a restrição vale só para processadores ARM, é possível “que o Windows 8 seja diferente em hardware diferente”, como diz Mary Jo Foley do ZDNet. Então tablets com ARM não rodariam programas de desktop, mas tablets com processador x86/x64 – como o Intel Core i5 no tablet da Samsung – rodariam programas de desktop também, e poderiam ser utilizados com teclado e mouse. [ZDnet]