As informações sobre o próximo evento Unpacked da Samsung já foram divulgadas. Ele acontece em 20 de fevereiro, e esperamos ver três versões do novo S10 — S10 Lite, S10 e S10 Plus. Mas, agora, uma nova matéria do site de notícias sul-coreano ETNews sugere que haverá também uma versão 5G do Samsung S10 e que ela terá um hardware realmente avançado.

• Samsung vai mostrar novo Galaxy S10 em fevereiro, e smartphone dobrável também deve dar as caras

Apelidado de Galaxy S10 X, a ETNews diz que o primeiro telefone 5G da Samsung estará oficialmente à venda na Coreia no final de março (pouco depois dos modelos S10, que chegariam às lojas no início do mês) entre 1,6 milhão e 1,8 milhão de won (entre R$ 5.200 e R$ 5.900, aproximadamente).

Hoje em dia, os telefones de topo de linha ficaram absurdamente caros, mas, se você der uma olhada em algumas das supostas especificações do Galaxy S10 X, esse preço de US$ 1.500 pode ser até apropriado.

Rumores dizem que o S10 X supostamente viria com quatro câmeras nas costas e duas na frente, um enorme display AMOLED de 6,7 polegadas, 10 GB de RAM, juntamente com 1 TB de armazenamento, e um bateria de 5.000 mAh. Quanto ao seu chipset, parece que o ele trará um processador Exynos 5100 na Coreia do Sul, embora, se usarmos os antigos telefones Galaxy da Samsung como um sinal, uma possível versão norte-americana viria com o Snapdragon 855 da Qualcomm.

A ETNews também diz que, assim como o resto da família, o S10 X contará com algo chamado “life pattern mode”, que tenta controlar e automatizar certas partes do telefone usando inteligência artificial para monitorar padrões de uso típicos. Isso pode significar algo como fechar automaticamente certos aplicativos que o S10 acha que você não precisará usar novamente em breve ou ajustar o desempenho para favorecer o CPU ou a GPU. Isso soa similar ao ajuste inteligente que a Huawei vem fazendo em seus telefones há alguns anos .

Em resumo, os componentes do S10 X parecem como uma lista dos sonhos para fanáticos. Ele tem um hardware potente, uma bateria enorme e o maior número de câmeras que já vimos em um smartphone — a menos que a Nokia coloque seu aparelho cheio de lentes no mercado antes do S10. E, mesmo com um maior uso de bateria por causa do 5G, o S10 X ainda poderia oferecer um tempo ridiculamente grande longe da tomada.

Depois de números sem brilho nas vendas do Galaxy S9, parece que a Samsung está determinada a mostrar um smartphone excelente em 2019. Entre os possíveis quatro novos modelos S10, incluindo o S10 X e seu próximo telefone dobrável, a Samsung pode ter o que é necessário para dar alguma emoção para o mercado de smartphones.

[ETNews]