A Norton publicou um estudo sobre crimes cibernéticos que conclui que pessoas vítimas de crimes na vida real, como assaltos ou furtos, têm mais chances de terem sua identidade roubada ou serem vítimas de phishing na internet.

De acordo com o Lifehacker AU, o estudo, que entrevistou 20 mil pessoas, diz que apesar do número maior, não há correlação direta entre as duas ações. Mas faz sentido: se você não é esperto e ligeiro no mundo real, as chances de você não ser esperto e ligeiro na internet são altas. [Lifehacker AU via Lifehacker]

Imagem via Shutterstock/Pedro Miguel Sousa