A DL Eletrônicos, parceira da marca Xiaomi no Brasil, anunciou nesta quarta-feira (3) o lançamento de mais dois modelos da linha Redmi Note 9 no mercado nacional. Além do modelo principal, chega também a versão Pro. Eles se juntam ao Redmi Note 9S para completar a família. Todos os aparelhos têm câmeras quádruplas e baterias grandes. Os preços começam em R$ 2.699.

Redmi Note 9 Pro

Dos dois smartphones apresentados hoje, o Redmi Note 9 Pro é, como o nome indica, o mais completo.

A Xiaomi destaca o design do aparelho, com traseira em dois tons e desenho simétrico. A câmera frontal fica em um buraco centralizado na parte superior da tela. O display, aliás, tem 6,67 polegadas. Outro diferencial é o leitor de impressão digital na lateral, integrado ao botão liga/desliga.

O Redmi Note 9 Pro tem um conjunto de câmeras quádruplas:

  • Câmera principal com 64 megapixels.
  • Câmera ultra-grande-angular de 8 megapixels com campo de visão de 119°.
  • Câmera macro de 5 megapixels.
  • Câmera teleobjetiva de 2 megapixels para modo retrato.

O aparelho tira fotos em formato RAW e faz vídeos com resolução 4K em 30 fps. As câmeras ainda têm recursos espertos, como zoom fluído durante gravações, criação de vídeos com efeito caleidoscópio e modo noturno para fotografia.

A câmera frontal tem 16 megapixels e conta com o recurso de selfies em câmera lenta, algo que já tínhamos visto no iPhone 11.

O Redmi Note 9 Pro vem com processador Snapdragon 720G, da Qualcomm, com recursos gamers e placa gráfica Adreno 618. O aparelho tem bateria de 5.020 mAh e suporte a carregamento rápido de até 30 W. Ele vem com carregador de 33 W.

O Redmi Note 9 Pro vem em uma única versão, com 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento. Ela custa R$ 4.199, mas chega a um preço especial de lançamento de R$ 3.699. O aparelho será vendido na loja oficial da Xiaomi e também nas Casas Bahia, no Extra e no Ponto Frio.

Redmi Note 9

A linha Redmi Note 9 também conta com um aparelho mais básico e menor, com câmeras mais simples e design sem tantos detalhes. A tela tem 6,53 polegadas, e o sensor biométrico fica na traseira.

A câmera principal do Redmi Note 9 tem 48 megapixels, e a lente macro vem com um sensor de 2 megapixels. As outras duas câmeras são parecidas com as do modelo Pro: ultra-grande-angular de 8 megapixels e ângulo de visão de 118° e teleobjetiva de 2 megapixels para modo retrato. O software de câmera vem também com um modo de escaneamento de documentos. A câmera frontal tem 13 megapixels de resolução e recursos de inteligência artificial.

O Redmi Note 9 vem com processador Helio G85, da MediaTek, A bateria tem a mesma capacidade do modelo Pro, com 5.020 mAh, mas com suporte a um carregamento mais lento, de 18 W. O aparelho vem com carregador de 22,5 W.

O Redmi Note 9 chega ao Brasil em duas versões: uma com 3 GB de RAM e 64 GB de armazenamento e outra com 4 GB de RAM e 128 GB de armazenamento. A primeira custa R$ 2.699, e a segunda, R$ 2.999. Em preço promocional de lançamento, elas saem por R$ 2.499 e R$ 2.699, respectivamente.

Se o preço parece alto para você, saiba que a Xiaomi concorda. Em entrevista coletiva, Luciano Barbosa, que comanda a operação da companhia no Brasil, disse que sabe que o custo foi impactado pela alta do dólar e pela pandemia, e que a marca é a primeira a lançar aparelhos no País depois desses fatores.

Mi Note 10 Lite

A Xiaomi também aproveitou o evento para apresentar o Mi Note 10 Lite, versão simplificada do aparelho de topo de linha da marca. Ele troca o conjunto de cinco câmeras do aparelho padrão por um de quatro lentes e sensores, sendo o principal deles de 64 megapixels, mas mantém o chip Snapdragon 730G e os 6 GB de RAM.

A Xiaomi ainda não divulgou o preço do produto no Brasil nem a data de lançamento.

Mi Smart Compact Projector

A Xiaomi não faz apenas smartphones, como você deve saber. Nesta quarta, a empresa lançou no Brasil um projetor para uso doméstico. O Mi Smart Compact Projector roda Android TV 9.0 e tem controle com microfone para controle por comando de voz usando Google Assistente. Ela também tem a capacidade de controlar itens de casa inteligente pelo Google Home, e funciona como caixa de som Bluetooth para smartphones.

A Xiaomi anunciou que o Mi Smart Compact Projector chega ao Brasil custando R$ 5.999. Na loja oficial da marca, porém, ele aparece com preço mais alto: R$ 6.416 à vista.