A NASA prorrogou o prazo de uma consulta pública que recolhe comentários sobre o programa Artemis. A ideia é reunir sugestões, opiniões e feedbacks do público geral e do setor espacial sobre como ocorrerá a retomada dos voos tripulados à Lua, assim como a chegada dos primeiros humanos em Marte.

A expectativa é que a volta à Lua ocorra a partir do ano de 2025, e o primeiro pouso tripulado no planeta vermelho apenas a partir da próxima década. Porém, nesse meio tempo, a agência precisa traçar os planos, assim como convocar a indústria, as universidades e parceiros internacionais para se preparar para essa nova fase da exploração espacial.

Recentemente, a NASA divulgou um rascunho com 50 objetivos para serem desenvolvidos ao longo do programa Artemis. Eles estão divididos em quatro categorias principais, sendo eles: transporte e habitação; infraestrutura lunar e marciana; operações; e exploração científica.

Entre os pontos propostos estão, por exemplo, o desenvolvimento de um sistema de transporte que faça viagens rotineiras da vizinhança da Terra-Lua até a órbita de Marte, usar commodities produzidos a partir de recursos obtidos no espaço, assim como a construção de um laboratório científico no polo sul da Lua.

Da Terra para Lua, e da Lua para Marte

O objetivo da NASA é que essas contribuições do público ajudem a ajustar esses objetivos e tornar a exploração do espaço mais transparente. “O feedback que recebemos sobre os objetivos que identificamos conduzirá nossos planos de exploração na Lua e em Marte para os próximos 20 anos”, disse o vice-administrador da agência espacial, Pam Melroy.

A NASA divulgou o vídeo abaixo (em inglês) em que aborda esses princípios objetivos para explorar a Lua e Marte.

Posteriormente, a agência pretende organizar dois workshops para discutir os feedbacks recebidos. O primeiro deles deve ocorrer já em junho, contando com a presença de parceiros da indústria e universidades americanas. O segundo deverá ser em julho, com organizações internacionais.

As contribuições na consulta pública podem ser enviadas até às 18h (horário de Brasília) do próximo dia 3 de junho. Os interessados podem se manifestar sobre um ou vários dos 50 objetivos listados, por meio do formulário disponibilizado pela NASA (disponível aqui).