O Android 2.2, codinome Froyo, está nos planos há muito tempo, mas graças a uma exclusiva do TechCrunch nós agora sabemos que ele terá suporte a tethering USB para compartilhamento de conexão, além de ser capaz de criar hotspots Wi-Fi.

Sim, o Froyão será poderoso na parte das conexões, mas também virá com suporte completo a Flash e será mais rápido também — até 450% mais rápido que o Android 2.1. Aceitar ou não a coisa do tethering cabe à operadora do celular em questão, mas com o poder do Google por trás, talvez passemos a ter menos problemas com isso. Certo, operadoras? [TechCrunch]