As ferramentas automatizadas de moderação do Facebook enlouqueceram e censuraram toneladas de publicações sobre a pandemia de coronavírus e outros tópicos na terça-feira à noite, impedindo os usuários de compartilhar artigos de fontes de notícias legítimas.

Após o ex-chefe de segurança do Facebook Alex Stamos tuitou que os erros poderiam ser “o início da [aprendizagem de máquina] enlouquecendo com menos supervisão humana”, o atual vice-presidente de integridade Guy Rosen respondeu que “um bug em um sistema anti-spam” era o culpado.

Ele também negou as especulações de que o problema estava relacionado ao surto de coronavírus que teria causado a escassez de moderadores humanos nos escritórios. (O Facebook disse que pagaria US$ 1.000 pelo trabalho home office em tempo integral para lidar com condições de emergência, mas os funcionários terceirizados que trabalham em seus sistemas de moderação só são elegíveis para pagamento contínuo.)

“Nós estamos trabalhando nisso – é um bug em um sistema anti-spam, sem relação com qualquer mudança na nossa força de trabalho de moderação de conteúdo”, escreveu Rosen. “Estamos no processo de consertar e trazer todas essas postagens de volta”.

Mais tarde na terça-feira à noite, ele tuitou que o problema não era específico ao conteúdo relacionado ao coronavírus, acrescentando que isso deveria ser corrigido e que todas as postagens erroneamente sinalizadas como spam deveriam ser restauradas. No entanto, outros usuários do Twitter responderam que os problemas ainda permanecem.

As capturas de tela postadas no Twitter e em outros lugares mostraram que o sistema estava informando os usuários: “Sua postagem é contrária à nossa diretriz de Padrões de Comunidade em relação a spam”. O Facebook havia admitido anteriormente que a disseminação do coronavírus nos EUA poderia sobrecarregar as habilidades de suas ferramentas automatizadas.

Tradução: Facebook, seu sistema de revisão está totalmente quebrado – Essa é a terceira vez em duas semanas que vejo “VAI CONTRA NOSSOS PADRÕES DE COMUNIDADE” por compartilhar uma publicação de um veículo reconhecido.
Tipo essa? Um post da Upworthy sobre a Geração X com uma foto do filme Clube dos Cinco? Quê? E as outras são parecidas.

Tradução: Mais alguém está tentando publicar post sobre a pandemia e sendo barrado pelo Facebook por considerar como spam?


Captura de tela: Facebook

Como o TechCrunch observou, a enorme escala do Facebook significa que ele desempenha um papel central na transmissão de informações sobre o surto. Problemas em sistemas automatizados podem, portanto, ter um impacto maior do que como de costume, com grandes interrupções na vida cotidiana e preocupação de que a situação possa piorar em todo o mundo.

O Facebook alegou estar lutando contra a desinformação em sua plataforma sobre o vírus e a doença que causa, o COVID-19, além de restringir anúncios falsos de produtos que oferecem uma cura. Também proibiu os anúncios de máscaras, depois que a escassez resultou em um aumento generalizado dos preços.

Nesta semana, a empresa assinou um compromisso conjunto para impedir a disseminação de informações falsas com Google, LinkedIn, Microsoft, Reddit, Twitter, YouTube, mas o histórico ruim do Facebook em moderar efetivamente sua plataforma não é exatamente um grande presságio de como ele irá lidar com a enxurrada de desinformação sobre coronavírus que já está se espalhando.