Documentário do James Webb estreia este ano nas salas IMAX; saiba mais

Curta-metragem “Deep Sky” estreia em outubro; lançamento da produção faz parte das comemorações de aniversário do telescópio espacial
1 ano de descobertas do James Webb: de fotos reveladoras a vapor d'água
Nebulosa Carina, a partir dos instrumentos NIRCam e MIRI do telescópio James Webb. Imagem: NASA/ESA/CSA/STScl/Reprodução 

Orbitando o Sol a cerca de 1,6 milhões de quilômetros da Terra, o James Webb completou um ano de atividades no dia 12 de julho de 2023. Em comemoração ao seu aniversário, o telescópio espacial ganhou um novo filme: o documentário “Deep Sky”, curta-metragem de 40 minutos.

A notícia da conclusão do filme foi anunciada na semana passada, durante eventos em homenagem ao aniversário da primeira imagem do telescópio na Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos, em Washington.

“Deep Sky” deve chegar aos cinemas em outubro de 2023. Ainda não se sabe sobre a data de estreia oficial no Brasil.

Segundo informações do site Space.com, o documentário será exibido em IMAX, formato que potencializa todos os pontos audiovisuais e fundamentais de um filme, como imagem, áudio, resolução e até o formato da tela, que é côncava.

A tecnologia também envolve a disposição das poltronas nas salas de cinema, que se tornam parte da experiência. Para os entusiastas da exploração espacial, isso vai tornar a sessão muito mais impactante.

O filme mostra as surpreendentes imagens captadas no primeiro ano de atuação do Telescópio Espacial James Webb (JWST), contando a história por trás dos registros e sua importância para a ciência. A atriz Michelle Williams, vencedora do Globo de Ouro, é a narradora do “Deep Sky”.

A IMAX Corporation e a Crazy Boat Pictures Ltd. estão por trás da produção, dirigida pelo cineasta Nathaniel Kahn, que foi indicado ao Oscar duas vezes.

“‘Deep Sky’ representa um retorno emocionante para os documentários IMAX e nossa longa tradição de filmes espaciais imersivos”, disse John Turner, gerente de documentários da IMAX, gigante do entretenimento, e produtor executivo do filme, em comunicado à imprensa.

Outras produções sobre o telescópio

Estreou na Netflix nesta segunda-feira (24) o filme “Explorando o Desconhecido: A Máquina do Tempo Cósmica” (2023). O documentário da gigante do streaming mostra bastidores da missão da NASA para lançar o telescópio James Webb, acompanhando a equipe de cientistas e engenheiros responsáveis pelo projeto.

Nathaniel Kahn já levou o prêmio Emmy com o filme “The Hunt for Planet B” (2021), primeiro documentário que contou a história do James Webb e das pessoas que construíram o telescópio. Agora, será possível conhecer em uma experiência imersiva as diversas imagens impressionantes que o instrumento proporcionou.

“Se alguma vez houve um assunto feito sob medida para telas IMAX, é este”, afirmou em comunicado à imprensa o diretor do novo filme. “O formato IMAX permite que você aprecie a incrível resolução do novo telescópio da NASA e mergulhe em paisagens cósmicas que o deixarão maravilhado”, acrescentou.

Assine a newsletter do Gizmodo

fique por dentro
das novidades giz Inscreva-se agora para receber em primeira mão todas as notícias sobre tecnologia, ciência e cultura, reviews e comparativos exclusivos de produtos, além de descontos imperdíveis em ofertas exclusivas