A Meta pretende descontinuar o recurso “Amigos Próximos” e outras funções baseadas em localização de usuários do Facebook. A empresa não fez um anúncio oficial sobre a novidade, mas ela parece fazer parte de uma nova política de minimização de dados coletados.

Aqueles usuários que ativaram o compartilhamento da localização com amigos estão recebendo notificações de que o recurso não estará mais disponível a partir de 31 de maio. O Facebook também deve parar de emitir alertas meteorológicos e armazenar históricos de localização.

Conforme relata o site 9to5Mac, o Facebook vai excluir automaticamente dos seus servidores todos os dados de localização armazenados a partir de 1ª de agosto de 2022. Dessa forma, os usuários têm até essa data para fazer o download dos seus dados de geolocalização.

Mas a coleta de dados continua

O site ressalta que o Facebook ainda pretende coletar alguns dados sobre a localização dos usuários “para outras experiências”. Esses informações são coletadas por meio do endereço IP, informações sobre a conexão Wi-Fi, check-in realizados pelo usuário no app ou por meio do GPS do dispositivo.

O Facebook pode usar essas informações para personalizar funcionalidades da rede social, ajudar a manter a conta segura, além de veicular anúncios com base na localização do usuário.

Porém, é possível configurar o aplicativo para que a empresa não tenha permissão para coletar esses tipos de dados. Para isso, basta selecionar durante a instalação do app quais dados quer compartilhar com o Facebook. Caso o aplicativo já esteja instalado, é possível acessar as configurações de aplicativos do celular, selecionar o app e alterar manualmente as permissões.

O recurso de “Amigos Próximos” foi lançado em 2014 e tinha o objetivo de notificar usuários se algum amigo estava por perto.

Vale lembrar que no Instagram também existe uma função chamada de “Amigos Próximos”, porém, ela não é baseada em localização. Aqui, ela é usada para incluir seguidores em uma lista para compartilhar conteúdos exclusivamente com esses “contatos selecionados”, como stories, por exemplo.