Se você viu o episódio de ontem de Game of Thrones com bastante cuidado, percebeu alguma coisa estranha. Não, não tinha um ewok voando em um dragão nem nada tão legal assim. Um copo de café do Starbucks apareceu em uma cena da série da HBO.

O erro aparece por volta de 17:50 do episódio intitulado “The Last of the Starks”. Como dá para ver, é claramente um copo para viagem do século 21.

Não conseguiu ver? Talvez este zoom possa ajudar.

O cinegrafista Timothy Burke, que já trabalhou no Deadspin, tem uma boa teoria para que o copo estivesse lá. Os chifres parecem estar cheios de um líquido marrom, e a cena precisava que ele fosse derramado. Veja este trecho que Burke tuitou:

A produção provavelmente precisou reabastecer os chifres com café e esqueceu de tirar o copo da cena.

O pessoal das redes sociais, é óbvio, não perdoou e fez muitos memes sobre a dificuldade que a Mãe de Dragões teria para dizer seu nome inteiro no Starbucks.

Foi um erro bem grosseiro, principalmente quando se leva em consideração que é uma série que atrai muitos fãs dispostos a dissecar todos os detalhes de todas as cenas. No entanto, Game of Thrones não é a primeira superprodução a cometer um deslize desse tipo. Há um longo histórico de séries e filmes de época ou de fantasia em que artigos modernos do mundo real aparecem.

Em Coração Valente, uma van aparece em uma grande cena de batalha. Em Gladiador, um cilindro de gás aparece em uma das bigas. No filme Ben Hur, de 1959, um relógio de pulso moderno aparece.

O mais recente desses erros é do filme O Favorito, com Hugh Jackman, lançado ano passado. Em um dos vídeos promocionais, um repórter aparecia usando um Apple Watch, sendo que o enredo se passa em 1987.

Infelizmente a gafe foi algo banal e nada incrível como um ewok em um dragão — dá para imaginar como isso seria legal? Bom, agora não nos resta outra alternativa a não ser aceitar que Winterfell tem sua própria loja do Starbucks. Está no cânone da série.