A Impossible Foods tem um hambúrguer de proteína vegetal bastante interessante, com gosto e até mesmo o aspecto bastante parecidos com os de carne. Depois de um período em pequenos restaurantes, eles começaram a ser vendidos no começo de abril em Saint Louis, no estado americano do Missouri. A novidade é que, até o fim do ano, o Whopper vegano deverá estar disponível em toda a extensão dos EUA.

De acordo com a CNN Business, o Impossible Whopper foi um sucesso em Saint Louis, o que levou a rede de fast-food a expandir a opção para todos os restaurantes. Como disse Chris Finazzo, presidente do Burger King North America, na ocasião do lançamento, a ideia é permitir que quem não quer comer carne possa comer os hambúrgueres da lanchonete.

De modo geral, o hambúrguer da Impossible Foods é composto por soja, óleo de coco, óleo de girassol, além da proteína de batata e o heme (“um ingrediente secreto que faz o hambúrguer chiar quando está fritando”).

A adoção de alternativas vegetais à proteína animal é uma tendência. De acordo com a consultoria Markets and Markets, citada pelo TechCrunch, as estimativas apontam que este mercado deve atingir US$ 6,43 bilhões em 2023. Entre os motivos para esse crescimento, está a preocupação com o meio ambiente. Além disso, o consumo cada vez maior de carne bovina pode causar escassez e, consequentemente, elevar os preços.

Quem não está muito contente com isso são os pecuaristas tradicionais. Eles não querem que produtoras de proteínas vegetais possam usar a palavra “carne” para designar seus alimentos.

[CNN, TechCrunch, Bloomberg]