Uma foto notável tirada no último domingo (25) pelo helicóptero Ingenuity está fornecendo uma das imagens mais exclusivas do rover marciano que já vimos. Bem lá em cima, no cantinho esquerdo superior da imagem, está o Perseverance, apontando suas próprias câmeras diretamente para a Ingenuity.

O helicóptero da Nasa capturou esta foto durante seu terceiro voo, enquanto o drone estava voando lateralmente a cerca de 5 m acima da superfície marciana. Tanto o Ingenuity quanto o Perseverance, chegaram em Marte no dia 18 de fevereiro. No momento em que esta foto foi tirada, eles estavam a cerca de 85 m de distância um do outro.

Vários rovers e sondas forneceram vistas íntimas do Planeta Vermelho, mas ohelicóptero está oferecendo uma visão muito mais panorâmica da paisagem rochosa de Marte — e de seu companheiro de seis rodas.

Na verdade, esta visão de uma sonda marciana de um ponto de vista ligeiramente elevado é incomparável. Claro, os rovers tiraram selfies e os satélites os avistaram da órbita de Marte, mas esta imagem em específico entrará para a história como a primeira a mostrar um rover da perspectiva de um drone aéreo.

Uma comparação razoável remonta a fotografia de 1997, quando o módulo de aterrissagem Mars Pathfinder da Nasa, tirou uma foto do rover Sojourner antes de sua implantação, seguida por imagens dele trabalhando na superfície.

Rover Sojourner da Nasa, conforme imageado pelo módulo de aterrissagem Pathfinder em 1997. Imagem: NASA/JPL-Caltech

Pesando apenas 11,5 kg, o Sojourner se tornou o primeiro veículo com rodas a circular em outro planeta. Portanto, é muito apropriado que o Ingenuity — o primeiro veículo a realizar um voo motorizado em outro planeta — tire uma foto igualmente importante.

Assine a newsletter do Gizmodo

O terceiro voo do Ingenuity foi o mais ousado até então, em que o helicóptero voou lateralmente por 50 m, e depois voltou à sua posição original, em um voo que durou 80 segundos. Os controladores da missão planejam forçar ainda mais o Ingenuity, possivelmente arriscando um acidente, para avaliar todas as suas capacidades.

Esperançosamente, esta demonstração de teste abrirá o terreno para projetos cada vez mais ambiciosos envolvendo drones aéreos em Marte, permitindo-nos sonhar mais uma vez com realizações ainda maiores.