A partir desta terça-feira (7), o Instagram começa a implementar um novo recurso para monitorar o uso excessivo do aplicativo. Batizado de “Take a Break” (“Fazer uma pausa”, em inglês), ele pretende limitar o tempo que usuários passam rolando seus feeds e stories.

Ao ativar a nova ferramenta, o usuário receberá um lembrete de fazer uma pausa após atingir um determinado período utilizando o aplicativo — que pode ser configurado para 10, 20 ou 30 minutos. É possível desativar o recurso a qualquer momento.

Segundo o CEO da rede social, Adam Mosseri, a nova função é “parte de um esforço para tentar dar às pessoas mais controle sobre sua experiência no Instagram”.

“Se alguém estiver navegando por um determinado período, pediremos que faça uma pausa no Instagram e sugeriremos que defina lembretes para fazer mais pausas no futuro. Também mostraremos dicas de especialistas para ajudá-los”, explicou Mosseri.

Por enquanto, a novidade chegará inicialmente aos Estados Unidos, Reino Unido, Irlanda, Canadá, Nova Zelândia e Austrália. Em outros países — incluindo o Brasil –, o serviço será liberado a partir de janeiro de 2022.

Foco em adolescentes

Apesar de a ferramenta ser disponibilizada para todos os usuários da plataforma que pretendem ter maior controle sobre o uso do app, ela tem como foco principal limitar o uso do Instagram por adolescentes.

Recentemente, o vazamento de documentos internos do Facebook — hoje Meta — apontaram que a empresa de Mark Zuckerberg sabia que o Instagram era um ambiente tóxico para adolescentes, com potencial efeito negativo para a saúde mental dos jovens.

Há casos relatados de pessoas “viciadas” no Instagram, que não tinham autocontrole para reduzir o uso do app. Essa informação, porém, foi relevada deliberadamente pela empresa, que optou por “priorizar os lucros”, nas palavras de ex-funcionários, em vez da segurança dos usuários.

O Instagram também pretende lançar a partir de março do ano que vem uma ferramenta de “controle parental”, para que pais se envolvam mais nas experiências dos adolescentes no Instagram. Os responsáveis ​​poderão ver quanto tempo seus filhos passam no Instagram, além de definir limites de tempo.