Uma equipe de pesquisadores desenvolveu uma técnica que aumenta a precisão – e velocidade – da transmissão de dados pela internet, usando sinais espelhados como em certos fones de ouvido.

A equipe explica na Nature Photonics como é possível enviar não um, mas dois feixes de luz através de um cabo de fibra: um é o sinal de dados comum; e o outro é sua imagem espelhada (ou, mais precisamente, seu conjugado de fase).



Na outra extremidade do cabo, é possível recombinar os sinais de tal forma que os erros causados por interferência são eliminados. Isso é basicamente o que fazem os fones de ouvido com cancelamento de ruído – porém com luz, em vez de som.

Isso significa que os dados podem ser transmitidos muito mais longe sem serem corrompidos pelo ruído. Na verdade, os dois feixes de luz podem viajar até quatro vezes mais longe do que os fluxos de dados normais. A equipe conseguiu atingir a velocidade de 400 Gbps através de 12.800 km de fibra óptica.

Isso parece uma ideia maravilhosa na teoria; mas, como sempre, levar essa tecnologia para o mundo real exigiria infraestrutura extra – e não está claro que esta seria a melhor técnica para se usar. Mas é no mínimo reconfortante saber que engenheiros de todo o mundo estão bolando novas ideias para satisfazer nosso apetite insaciável por internet mais rápida. [Nature Photonics via BBC via Folha]

Foto por nrkbeta/Flickr