Os camaradas do iSuppli fizeram suas mágicas e dissecaram peça por peça o 4S para descobrir quanto o aparelho custa para ser produzido. A resposta? Bem, mas bem pouquinho a mais do que seu antecessor — US$188.

Os US$188 se referem ao modelo de 16 GB — o modelo de 32GB custa para a Apple US$207, enquanto o de 64GB sai por US$245. Em cada um dos preços há 8 dólares de “custo de produção”, que significa o preço pago para a Foxconn para alugar alguns humanos diariamente.

É interessante pensar que um smartphone com um processador sensivelmente melhor e uma câmera bem melhor custa um fio de cabelo a mais do que seu antecessor — e isso é apenas um símbolo da eficiência de engenharia da Apple, segundo o iSuppli: O 4S tem mais tecnologia de rádio na mesma área, economizando espaço e o reduzindo a necessidade de vários componentes. Mas se há um lugar que a Apple não está economizando é na tela — o componente mais caro, custando US$37. Pense nisso quando o cara da assistência entregar o custo de manutenção da sua tela que caiu no chão. [iSuppli via 9to5Mac]