Em um comunicado publicado no fim da noite dessa sexta — um horário perfeitamente aceitável para uma empresa divulgar decisões importantes, sim, claro, por que não? — Elon Musk, CEO da Tesla, anunciou ter desistido de sua ideia de retirar as ações da companhia da bolsa de valores e tornar novamente seu capital fechado.

No texto, Musk diz que “o melhor caminho é manter a Tesla na bolsa”. O executivo disse que o processo consumiria mais tempo e seria mais trabalhoso do que ele havia pensado inicialmente.

• Elon Musk reconhece que automação excessiva prejudicou produção de carros da Tesla
• A fabricante russa de armas Kalashnikov agora tem o seu próprio carro elétrico

Além disso, apesar de muitos investidores terem garantido que continuariam como sócios da empresa, Musk conta, em seu texto, que o sentimento geral era de “por favor, não faça isso”.

Outro ponto destacado no texto diz que investidores institucionais, como fundos de investimento, teriam problemas caso a montadora de veículos elétricos saísse da bolsa de valores, já que seus regulamentos definem limites para a participação em empresas de capital fechado.

Musk havia publicado um tweet há duas semanas dizendo que estava considerando fechar o capital da empresa, caso o preço por ação subisse a US$ 420, e que tinha inclusive dinheiro suficiente para isso.

A ideia de tirar a companhia da bolsa pegou de surpresa o mercado e fez o preço dos papeis subirem. A SEC, comissão responsável por regular o mercado financeiro dos EUA, abriu uma investigação formal contra o executivo.

Os últimos meses têm sido difíceis para Musk. A Tesla vem falhando na entrega do Model 3, seu carro mais barato, e os balanços da companhia mostram prejuízos. Em uma entrevista ao jornal The New York Times, ele contou que vem trabalhando 120 horas por semana.

No mês passado, o executivo perdeu a cabeça e acusou falsamente de pedofilia um dos responsáveis pelo resgate dos meninos presos em uma caverna na Tailândia, após a contribuição de Musk ser recusada na missão — Musk pediu desculpas dias depois. Ele acabou envolvido até em uma confusão com a rapper Azealia Banks. Talvez a decisão dessa sexta-feira seja uma volta ao bom senso.

[Tesla via Jalopnik e CNN]