A edição de 2020 da Consumer Electronics Show (ou CES, como a feira é mais conhecida) está prestes a começar. O evento terá início na terça-feira (7), mas algumas empresas já estão apresentando alguns produtos. A equipe do Gizmodo US estará em Las Vegas para cobrir as tecnologias mais inovadoras, peculiares e cobiçadas da conferência no evento.

Se você perdeu algumas das notícias e rumores que antecederam o evento deste ano, preparamos um resumo para você ficar por dentro do que deve rolar. Das participações inusitadas deste ano a dispositivos vestíveis e aparelhos sexuais, eis o que deve rolar durante a feira d deste ano.

Dobráveis



Um dos destaques da CES no ano passado foi o FlexPai, um telefone dobrável da Royole — ele era bonitinho, mas péssimo. Mesmo assim, foi um grande ano para essa tecnologia. Em meados de 2019, a Lenovo exibiu um laptop conceito com uma tela OLED flexível, mas não revelou nada sobre preço, especificações ou até mesmo um nome oficial, o que torna a CES o momento perfeito para a empresa mostrar suas novidades.

Royole FlexpaiRoyole Flexpai. Crédito: Alessandro Feitosa Jr/Gizmodo Brasil

A Microsoft surpreendeu a todos com vários dispositivos de tela dupla no segundo semestre de 2019. Por isso, dá para esperar ainda mais aparelhos desse tipo de outros fabricantes de laptops, especialmente após lançamentos como o Omen X 2S, da HP, e o ZenBook Pro Duo, da Asus.

Mais uma montanha de fones de ouvido sem fio

O mar de opções para um fone de ouvido totalmente sem fio cresce constantemente a cada dia, e há muitas alternativas aos caríssimos AirPods da Apple por aí. Em 2019, testamos diversos concorrentes, como o Jaybird Vista, o Master & Dynamic MW07 e o Powerbeats Pro. Mas todo mundo está procurando um espacinho nesse setor. Até a Amazon quer fazer fones de ouvido sem fio. Resumindo: você deve ver mais alguns desses fones na CES.

Echo Buds, os fones de ouvido da AmazonEcho Buds são os fones de ouvido da Amazon. Crédito: Amazon

Apple

Olha só! Veja quem decidiu aparecer na festa de tecnologia mais quente deste ano depois de zoar seus concorrentes durante o evento do ano passado!

Durante CES 2019, Apple colocou um outdoor em Las Vegas que dizia“O que acontece em seu iPhone, fica no seu iPhone”. Crédito: David Becker/Getty Images/AFPDurante CES 2019, Apple colocou um outdoor em Las Vegas que dizia: “O que acontece em seu iPhone, fica no seu iPhone”. Crédito: David Becker/Getty Images/AFP

É isso mesmo. A diretora sênior de privacidade global da Apple, Jane Horvath, deve falar ao lado de outros magnatas da tecnologia durante uma mesa redonda com diretores de privacidade na terça-feira. O painel também incluirá, ironicamente a participação de um executivo do Facebook, esta empresa famosa por ser um bastião em defesa da privacidade e protetora de seus usuários. A Apple também promoverá seu HomeKit, e a Bloomberg informou esta semana que a empresa “provavelmente lançará novos recursos de software”. Apesar disso, não espere por novos aparelhos.

Carnes feitas de vegetais

Receita 2.0 do hambúrguer da Impossible Foods. Crédito: Alessandro Feitosa Jr/Gizmodo BrasilReceita 2.0 do hambúrguer da Impossible Foods revelada durante a CES 2019. Crédito: Alessandro Feitosa Jr/Gizmodo Brasil

Como alguém com um entusiasmo absolutamente descarado por carnes feitas de vegetais, fico emocionada em compartilhar com você, leitor, que a CES mais uma vez terá novidades nesse setor. A Impossible Foods, fabricante do delicioso Impossible Burger, estará novamente na conferência este ano para revelar algumas novidades deliciosas. E pode ter certeza: você será o primeiro a saber quando descobrirmos o que vem por aí.

8K

A CES será palco de impressionantes estreias de telas monstruosas (e caríssimas). Samsung, Sony e LG estarão expandindo suas linhas de 8K. Portanto, você vai ouvir muita coisa sobre isso. Será que veremos algumas TV que enrolam também?

TV LG NanoCell 8K apresentada durante a CES 2019. Crédito: Alessandro Feitosa Jr/Gizmodo BrasilTV LG NanoCell 8K apresentada durante a CES 2019. Crédito: Alessandro Feitosa Jr/Gizmodo Brasil

Dispositivos vestíveis e de prazer

Você se lembra de toda aquela confusão no ano passado, quando a Consumer Technology Association, que promove a CES, cancelou um prêmio que ela mesma havia dado a um brinquedo sexual e, ao mesmo tempo, o chamou de “imoral, obsceno, indecente, [ou] profano”? Bem, a CES resolveu botar para f… agora. Após o vexame do ano passado e a péssima repercussão que isso teve, a conferência anunciou que permitiria a tecnologia sexual na categoria Saúde e Bem-Estar, mas que “deve ser inovadora e incluir tecnologias novas ou emergentes para se qualificar”.

Brinquedo sexual Osé ganhou prêmio de inovação na CES 2019. Crédito: Divulgação
Brinquedo sexual Osé ganhou prêmio de inovação na CES 2019. Crédito: Divulgação

Além disso, como sempre, esperamos ver mais vestíveis na categoria de bem-estar. Muitas das novidades tecnológicas nessa categoria podem ser incrementais, mas esperamos ver dispositivos híbridos e avanços em aplicativos médicos e no monitoramento de bem-estar.

Política

A tecnologia e a inovação são inerentemente políticas, desde a segurança e a privacidade à responsabilidade social, à fabricação, aos esforços de lobby e ao comércio exterior. Mas a política nem sempre é sempre uma preocupação em uma feira profissional. Mas, este ano, ela marcará presença na CES

A conferência está organizando um “bate-papo à beira da lareira” com Ivanka Trump e o chefe da CTA, Gary Shapiro, para uma discussão sobre “como o governo dos EUA está defendendo estratégias lideradas por empregadores que investem na qualificação de trabalhadores, criam aprendizagens e desenvolvem programas de educação em ciências exatas para o ensino fundamental e médio”. Em uma ação altamente controversa, a feira colocou a filha do presidente Donald Trump como palestrante.

Junte isso com a bagunça com a Huawei e a guerra comercial com a China focada em tecnologia — não será possível fugir da política no evento deste ano.

AMD vai entrar na briga dos laptops

No ano passado, a AMD surpreendeu quem estava na feira com seu processador AMD Radeon VII. É possível que a AMD possa encarar a Intel e a Nvidia novamente este ano, com o boato de que a CEO da empresa, Lisa Su, anunciará as APUs Ryzen 4000. Essas APUs provavelmente seriam processadores para dispositivos móveis destinados a competir com as opções da Intel, como as elogiadas CPUs Ice Lake e as confusas Comet Lake.

AMD Radeon VII apresentada durante a CES 2019AMD Radeon VII apresentada durante a CES 2019. Crédito: Alex Cranz/Gizmodo

Nem tudo está nessa lista, mas ela dá uma boa noção do tamanho de anúncios que esperamos para a próxima semana. Estaremos no local, acompanhando todos os destaques para que você não perca nada.

Colaborou Sam Rutherford