Quando não está perturbando o mundo com supersoldados ciborgues que dão saltos mortais, a Boston Dynamics parece gostar de se divertir com suas criações robóticas. Provavelmente inspirados nas corridas de cachorro que puxam trenós, a companhia juntou dez robôs-cachorro SpotMini para reunir força o suficiente para carregar um caminhão movido à diesel. Eu falei em diversão, né? Na verdade, a impressão é de terror.

Apesar de sempre mostrar robôs fazendo movimentos complexos, os SpotMini não chegam nem aos pés do humanoide Atlas, da Boston Dynamics. Aqui, pelo menos, a empresa parece contar com a simpatia dos humanos com coisas que lembrem cachorros. O problema é que estes “cachorros” conseguem escapar de laboratórios, resistir a golpes de tacos de hóquei e agora, aparentemente, são aptos a puxar bastante peso quando estão em grupo.

A demonstração é um outro exemplo de pesquisa robótica em que robôs simples são feitos para trabalhar juntos e atingir grandes feitos. Geralmente, isto é feito por robôs muito pequenos que parecem se movimentar de forma aleatória até completar determinado objetivo, mas este não é o caso deste exército de SpotMinis.

Dado o fato de que estes robôs custam centenas de milhares de dólares, eles, sem dúvida, serão lançados para aplicações militares, e você pode facilmente imaginar um esquadrão deles recuperando um veículo (como este do vídeo), ou dois ou três SpotMinis salvando um soldado ferido, ou outras missões menos assistivas. Vendo tudo isso, dá para entender melhor por que os lobos caçam formando alcateias.

[YouTube]