A linha Galaxy M, da Samsung, chegou em 2019 como uma alternativa de aparelhos mais simples e não tão caros. Aos poucos, porém, ela vai ganhando também a fama de ter baterias gigantes. O Galaxy M31 veio com uma de 6.000 mAh. E, segundo um vazamento de informações, o M51 vai seguir nessa linha com uma de 7.000 mAh.

Antes de falar do possível novo aparelho, um pouco de contexto para quem não está tão acostumado a olhar os números de baterias de smartphones Android: nos últimos dois anos, aparelhos de entrada e intermediários passaram da casa dos 3.000 mAh (Moto G7 e LG K12 Plus) para os 4.000 mAh (nova série K da LG e Moto G8).



Smartphones com baterias de 5.000 mAh, como o Moto G8 Power, são geralmente a melhor opção para quem procura boa autonomia, pois conseguem durar até dois dias longe da tomada, na maioria das vezes.

A bateria de 6.000 mAh do Galaxy M31 já era um passo além do que estávamos acostumados a encontrar em smartphones. Mas a Samsung parece não estar satisfeita. Segundo informações de um vazamento obtido pelo site indiano PriceBaba, o Galaxy M51 deve ter capacidade para 7.000 mAh.

Dá para imaginar que isso será suficiente para dois dias sem recarregar com uma boa folga ou até três dias para quem usa pouco o celular. Para efeito de comparação, o tablet Galaxy Tab S6 Lite tem uma bateria de 7.040 mAh.

Além disso, documentos de certificação no FCC (órgão norte-americano com atribuições semelhantes às da nossa Anatel) apontam para um carregador rápido de 25 W — realmente, carregar uma bateria tão grande levaria muito tempo com um adaptador de potência mais baixa.

As outras especificações do Galaxy M31 também são bastante interessantes: processador Snapdragon 730, da segunda principal linha de chips da Qualcomm, opções com 6 GB ou 8 GB de RAM e até 128 GB para armazenamento. A tela seria enorme, com 6,7 polegadas, o que faz sentido: baterias de maior capacidade são grandes também no tamanho, então aproveitar o espaço para aumentar a tela é esperado.

Além disso, o modelo deve vir com quatro câmeras na traseira, incluindo um sensor principal de 64 megapixels. Na frente, ele deve vir com uma câmera para selfies de 32 megapixels, que ficaria em um furinho no canto superior esquerdo do display. Deve ser, portanto, o mesmo conjunto que veio no Galaxy M31.

Segundo o Android Central, a expectativa é que o Galaxy M51 seja apresentado pela Samsung na Índia em algum momento das próximas semanas. Seria bacana ver este aparelho por aqui, mas, até agora, a Samsung só trouxe aparelhos das séries M10, M20 e M30 — o Galaxy M40, lançado lá fora, não veio pro Brasil.