Em parceria com a Nike, a Apple acaba de anunciar o lançamento da edição 2022 das tradicionais pulseiras “Watch Pride”. A novidade faz referência ao Dia Internacional Contra a Homofobia, celebrado em 17 de maio, e antecede o Mês do Orgulho LGBTQIA+, em junho.

As duas novas pulseiras estão disponíveis para caixas de 41 mm e 45 mm — sendo compatíveis com a maioria das versões do Apple Watch –, podendo ser usadas em pulsos de 145 a 220 mm. O produto é feito de nylon de duas camadas, oferecendo uma textura suave e respirável.

No caso da “Loop esportiva edição Orgulho”, a pulseira possui um degradê com as tradicionais cores do arco-íris, além de cinco novas cores, como o preto e marrom, que representam as comunidades LGBTQ+ não brancas que foram discriminadas, bem como as pessoas que vivem ou viveram com HIV ou AIDS. O produto tem ainda o azul-claro, rosa e branco, para prestar homenagem às pessoas trans e que não se identificam com nenhum gênero.

Já a “Loop esportiva Nike edição Orgulho” é inspirada na BeTrue, uma iniciativa da Nike em prol da igualdade no mundo dos esportes. Além das pulseiras, o Apple Watch (a partir da Series 4) também recebeu um novo mostrador com o tema “Pride”, podendo ser baixado ao acessar a página de venda do produto por meio do iPhone.

Onde comprar as novas pulseiras?

Elas podem ser adquiridas diretamente no site da Apple por R$ 514. Porém, para quem busca opções mais baratas, a Amazon oferta pulseiras LGBTQIA+ compatíveis com os relógios inteligentes da Apple com preços a partir de R$ 49, conforme os links abaixo:

Pulseira Silicone Pride Orgulho Arco Iris
Pulseira Silicone Pride Orgulho Arco Iris Compatível Com Apple Watch e Iwo 38mm / 40mm
R$ 50
Pulseira de Nylon Rainbow Arco íris
Pulseira de Nylon Rainbow Arco íris Pride Orgulho Compatível com Apple Watch Serie 1 2 3...
Veja
Pulseira Braided Solo Loop
Pulseira Braided Solo Loop Para Apple Watch 38/40mm - Pride - P/Jetech
R$ 70

 

O Gizmodo Brasil pode ganhar comissão sobre as vendas. Os preços são obtidos automaticamente por meio de uma API e podem estar defasados em relação à Amazon.