A Microsoft realizou uma das conferências de tecnologia mais empolgantes dos últimos anos no segundo semestre do ano passado, quando apresentou o Windows 10X juntamente com dispositivos de tela dupla, incluindo o Surface Duo e o Surface Neo. Infelizmente, devido a várias complicações recentes, parece que o Windows 10X e o Surface Neo tiveram suas datas de lançamento originais atrasadas e não vão mais chegar no fim de 2020.

As informações mais recentes sobre o desenvolvimento do Windows 10X vêm de Mary Jo Foley, do ZDNet. Ela afirma que, segundo fontes, o diretor de produtos da Microsoft, Panos Panay, realizou um briefing interno informando a algumas pessoas de sua equipe que a Microsoft não lancaria o Windows 10X ou o Surface Neo em 2020. Além disso, parece que a Microsoft não habilitará o Windows 10X em dispositivos de terceiros, o que atrasaria outros dispositivos de tela dupla, como o conceito Project Precog da Asus.

Com base em algumas fontes com as quais conversei e em outros indícios da indústria, vários dispositivos Windows 10X de tela dupla estavam programados para aparecer na Computex 2020, que estava originalmente programada para junho, mas agora foi adiada para setembro. Eles deveriam estar disponíveis no varejo para a temporada de festas de 2020.

No entanto, com o estrago causado pelo COVID-19 nas cadeias de suprimentos globais e no desenvolvimento de produtos, já que muitos funcionários de tecnologia foram forçados a trabalhar em casa, Foley diz que a Microsoft está mudando as prioridades para entregar o Windows 10X em dispositivos de tela única primeiro. Possivelmente, esse é um jeito de a Microsoft concorrer melhor com laptops baratos que rodam o Chrome OS do Google.

Oficialmente, o Windows 10X foi projetado principalmente para oferecer suporte a dispositivos de tela dupla. No entanto, também contém vários outros recursos, incluindo a capacidade de executar aplicativos herdados do Windows de 32 bits dentro de um contêiner virtual, o que poderia ser uma importante ferramenta de compatibilidade para a Microsoft. frente.

E embora o próprio Windows 10X possa não estar pronto para um lançamento em 2020, Foley afirma que suas fontes dizem que alguns recursos do Windows 10X, como aplicativos em contêiner, podem ser incorporados ao Windows padrão “mais cedo ou mais tarde”.

O único ponto positivo dessas más notícias é que, embora o Surface Neo provavelmente não cumpra a promessa de sua data de lançamento original em 2020, seu irmão, o Surface Duo, parece não ter sido afetado pelos atrasos, provavelmente porque é baseado no Android e não no Windows 10X.

Embora essa notícias certamente seja decepcionante para as pessoas (inclusive eu) que estavam esperando laptops com tela dupla, dadas as circunstâncias, atrasar o Windows 10X e o Surface Neo parece ser uma decisão prudente.

Parte do objetivo do Windows 10X é oferecer suporte a uma onda de dispositivos com designs radicalmente diferentes e mais sofisticados do que os laptops de hoje. Porém, se o lançamento apressado do Windows 10X antes de ele estar pronto resultar em muitas primeiras impressões ruins, muito desse trabalho poderá ser desperdiçado e fazer os fabricantes de dispositivos pensarem duas vezes na hora de imaginar aparelhos de tela dupla.