Em março, a disseminação do coronavírus por várias partes do mundo forçou a Apple a converter a WWDC 2020, sua conferência para desenvolvedores, em um evento online. Desde então, a empresa da maçã não tinha falado de nenhuma data para a conferência de desenvolvedores. No entanto, agora já sabemos que o evento começa em 22 de junho.

Em um comunicado, a Apple anunciou que a 31ª WWDC será gratuita para todos. A companhia também promoverá o Swift Student Challenge, um desafio para estudantes que criarem apps na linguagem Swift, como uma forma de mostrar projetos e apps feitos por alunos.

Embora a participação na WWDC seja gratuita, qualquer pessoa interessada em participar do evento de uma semana da Apple precisará ser um desenvolvedor Apple registrado. Para se tornar um, você precisa clicar aqui e seguir as etapas para se inscrever ou cadastrar sua empresa.

A partir daí, a Apple está incentivando os desenvolvedores a baixar o aplicativo Apple Developer, que servirá como guia de programação e centro de recursos para o evento e incluirá detalhes sobre palestras, agendas de laboratórios e muito mais.

De forma alternativa, se você estiver interessado apenas no keynote (palestra principal onde costuma ter os maiores lançamentos) da WWDC, nossa expectativa é que ela seja semelhante aos eventos anteriores, com uma transmissão ao vivo aberta para qualquer pessoa assistir online.

Tradicionalmente, a WWDC serve como um local para a Apple se comunicar mais diretamente com seus desenvolvedores, além de permitir que a companhia dê uma prévia de novas ferramentas e recursos planejados em todo o ecossistema, incluindo macOS, iPadOS, iOS, tvOS, WatchOS e mais.

Embora a WWDC esteja focada em software, é bem possível que a Apple tenha alguns anúncios de hardware planejados para o evento. No ano passado, a Apple usou a WWDC 2019 para dar às pessoas uma visão mais profunda do Mac Pro. Além disso, após o lançamento do Apple TV+, a companhia poderia usar a WWDC 2020 para falar sobre os próximos programas ou séries que serão lançados em seu serviço de streaming de vídeo.

Como o Google e o Facebook já cancelaram sua conferência anual de desenvolvedores para 2020, é bom ver que a Apple conseguiu converter seu evento em algo construído de maneira amigável durante a quarentena. Antes dela, que acontece no final de junho, a Microsoft falará de novidades durante a Build 2020, que está programada para começar daqui a duas semanas, em 19 de maio.