A Nokia aumentou bastante seus smartphones Lumia – para telas de 6 polegadas, exatamente. Eis as nossas primeiras impressões do Lumia 1520 e do 1320, apresentados hoje durante a Nokia World em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

Lumia 1520

SONY DSC

O Lumia 1520 é um monstro: enorme e potente, com uma maravilhosa tela de 6 polegadas com resolução 1080p. Por dentro, um processador Snapdragon 800 quad-core de 2.2GHz, 2GB de RAM e 32GB de armazenamento – confira todas as especificações técnicas aqui.

Apesar da tela enorme, o Lumia 1520 não é nem um pouco desconfortável de se mexer. Ele encaixa bem na mão, e seu acabamento lembra bastante o do Lumia 920, também em policarbonato e com as bordas retangulares. Ele não é muito pesado: 209 g, o que considerando o seu tamanho é muito bom. Além disso, ele é bem mais fino do que seus irmãos menores (1020, 920 e 925). É claro que não é possível usá-lo apenas com uma mão – e nem é esse o objetivo do aparelho, assim como não é o objetivo de outros phablets que temos por aí.

SONY DSC

E a tela, além de grande, é belíssima, não só por ser Full-HD. Durante a apresentação, a Nokia destacou que a tela fica bem visível mesmo debaixo da luz do sol. E comprovamos que isso é verdade, já que batia sol na área de exposição dos smartphones. É realmente uma tela maravilhosa, com qualidade fantástica de imagem. Coisa fina.

Uma das novidades da tela de 6 polegadas é a inclusão de uma terceira coluna de Live Tiles na tela inicial do Windows Phone. Por um momento achei que poderia ficar tudo mais bagunçado com diversas linhas de blocos de diferentes tamanhos, além de tudo caótico com alguns deles se mexendo e outros não. Mas não é exatamente isso o que acontece. E bem, como a home screen é bastante personalizável, você pode muito bem escolher por não colocar tanto ícone se for a sua preferência.

SONY DSC

O Windows Phone 8 roda com bastante fluidez, como normalmente acontece com o sistema, e a troca de apps é bem rápida, com ajuda da potência do Snapdragon 800. A Nokia preparou uma série de apps novos para o aparelho – falamos sobre eles aqui – com bastante foco nas capacidades de imagem dos seus Windows Phone.

Temos o Nokia Camera, com todas as funções de configuração de foto da câmera do Lumia 1020. Tudo bem simples: deslize o dedo para trocar entre os modos foto, vídeo e sequência de imagens (com as funções da Smart Cam). No canto direito estão as configurações: você pode escolher entre os modos automáticos, ou então personalizar cada uma das definições – como ISO, exposição e foco. Basta segurar o botão do obturador por um tempo, e surge uma tela para você mudar todas essas configurações, e verificar o efeito delas em tempo real na foto.

Lumia 1320

SONY DSC

O Lumia 1320 é como o irmão mais novo do 1520. É uma opção mais barata – e bem menos potente – para quem quer um phablet. A tela também tem 6 polegadas, mas não é Full-HD – apenas 720p. Para ser sincero, a diferença quase não é perceptível – confira a imagem no topo do post com os dois aparelhos e tente notar alguma diferença na tela inicial do Windows Phone. Claro, dentro de apps, em fotos e outras coisas a diferença é mais visível, mas ainda assim o 1320 tem um belo display.

Seu corpo é diferente do 1520. Ele tem as bordas arredondadas e aparece em várias cores diferentes. Lembra bastante o acabamento do Lumia 625, tem um ar um pouco mais barato do que o do 1520 (e, bem, o aparelho é mais barato mesmo). E mesmo com menos potência ele continua rodando tudo liso. Os mesmos apps encontrados no 1520 estão no 1320 – e também estarão em todos os outros Lumias a partir do ano que vem.

SONY DSC

No geral, os dois aparelhos são muito bons, mas vamos com calma antes de guardar dinheiro para comprá-los. O 1320 parece ser voltado especificamente para parte do mercado asiático – Stephen Elop não fez menção nenhuma a nenhuma outra parte do mundo quando anunciou sua disponibilidade para o fim do ano. E o 1520 inicialmente chega em parte da Ásia e EUA, e depois Europa.

A assessoria da Nokia no Brasil não divulga nem disponibilidade, nem preço destes lançamentos no país.

O Gizmodo Brasil viajou a Abu Dhabi a convite da Nokia