O aplicativo da Apple TV agora está disponível para o Chromecast com Google TV. Com isso, ficou bem mais fácil ver os filmes e as séries do Apple TV+. Além disso, o novo app promete se integrar a vários serviços do Google, como as listas do Google TV e o Google Assistente.

O anúncio já havia sido feito em dezembro do ano passado, mas agora o app chegou para valer. Com ele, é possível ver os programas do catálogo do Apple TV+, que custa R$ 9,90 por mês, e também ver títulos comprados na loja da Apple, algo que não é muito popular aqui no Brasil. Mais do que isso, os títulos do serviço aparecem na lista do Google TV e é possível fazer pedidos por voz ao Google Assistente para tocar filmes e séries.

Toda essa integração é bastante surpreendente. O Android, por exemplo, nem tem aplicativo da Apple TV. Os apps para iOS, iPadOS e macOS não oferecem a opção de transmitir as imagens para o Chromecast. O único jeito era fazer uma gambiarra pelo navegador.

Infelizmente, o Chromecast com Google TV ainda não foi lançado no Brasil de maneira oficial. O aparelho tem como grandes novidades um controle remoto e o sistema operacional Android TV, que permitem que ele funcione de maneira independente — os modelos anteriores só exibiam o que era selecionado em um smartphone ou um computador.

Assine a newsletter do Gizmodo

Outro diferencial é o Google TV, que é uma espécie de catálogo universal de vários serviços de streaming. Quer dizer, quase universal, já que a Netflix decidiu não aderir a estes recursos. Segundo o Gizmodo US, o aplicativo da Apple TV também deve chegar em breve a smart TVs com Google TV, como modelos da Sony e da TCL.

Atualmente, o app da Apple TV já está disponível em outros aparelhos de streaming disponíveis no mercado brasileiro, como o Fire TV Stick Lite e o Roku Express — além, é claro, da própria Apple TV.

Fire TV Stick Lite
Novo Fire TV Stick Lite com Controle Remoto Lite por Voz com Alexa | Streaming em Full HD ...
R$ 299

O Gizmodo Brasil pode ganhar comissão sobre as vendas. Os preços são obtidos automaticamente por meio de uma API e podem estar defasados em relação à Amazon.