As lentes e sensores dos celulares de hoje em dia produzem imagens de qualidade próxima às de câmeras baratas. Talvez seja por isso que a Canon decidiu entrar na onda e fazer uma câmera simples e tão pequena quanto um pendrive, a IVY REC. Um crowdfunding foi lançado para financiar a invenção.

Pode haver um bom motivo para esse aparelhinho existir. Os smartphones estão cada vez mais caros e, por isso, dá medo de usá-los para tirar fotos em algumas situações — na chuva, quando há risco de cair, em lugares perigosos, etc. É aí que a IVY REC entra.

A camerazinha parece o filhote de um cruzamento de um pendrive com um mosquetão (aquela fivela usada em escaladas). Além de juntar essas duas coisas, a IVY REC vem com uma carcaça de plástico, cores neon e uma pequena protuberância que serve como botão para tirar fotos.

A Canon promete que ela é a prova de choques e de água (mas não a uma profundidade muito grande, o que quer dizer que não serve para mergulhar). Na parte câmera da coisa, ela vem com um sensor CMS de 13 megapixels e 1/3 de polegada, que consegue capturar vídeos em alta definição até 60 quadros pro segundo.

Câmera IVY REC azul com a fivela aberta.

Imagem: DPReview

Há até um encaixe para tripé de tamanho padrão na parte inferior e um botão giratório na parte traseira para alternar entre os (poucos) modos disponíveis no IVY REC. Tela LCD? Não, nenhuma. Para enquadrar fotos, os usuários podem usar o vão quadrado da fivela da câmera para ter uma ideia de como a foto vai sair.

Também dá para usar o smartphone — a câmera tem conectividade sem fio, e a Canon oferece um aplicativo que mostra em tempo real o que o sensor fotográfico está captando. A conexão sem fio também serve para transferir as fotos e os vídeos, facilitando o compartilhamento. Não há nenhuma menção a portas USB.

Infelizmente, a Canon ainda não liberou muitos detalhes sobre o IVY REC. Portanto, não dá para saber coisas como preço, duração de bateria ou suporte a cartões microSD.

Câmeras IVY REC rosa e verde.Imagem: Indiegogo

Hoje em dia, os consumidores não estão tão interessados ​​em gastar milhares de reais em uma DSLR grande e desajeitada — seus smartphones são mais práticos e tiram fotos que são boas o suficiente. Por isso, a Canon ainda parece hesitante em abraçar completamente o mercado de fotografia casual.

Com o IVY REC, a empresa vai sentir a temperatura da água antes de mergulhar. A marca vai fazer uma campanha de crowdfunding no Indiegogo para ver se lança ou não o produto. Por enquanto, a arrecadação ainda não começou.

Se você gosta da ideia de manter uma câmera pequena e barata presa ao cinto, sempre pronta, enquanto seu smartphone fica guardado em seu bolso com segurança, a Canon promete que os primeiros apoiadores podem pegar até 30% de desconto sobre o preço de varejo (que ainda não foi anunciado) — supondo, claro, que um número suficiente de pessoas esteja disposta a financiar a invenção.